Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

O Clássico das Multidões e suas consequências

Marcos Leandro
Marcos Leandro
Publicado em 02/04/2021 às 8:06
Sport venceu o Santa Cruz no último jogo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Sport venceu o Santa Cruz no último jogo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

A vitória do Sport sobre o Santa Cruz no clássico da última quarta-feira (31) tem muitas consequências. A primeira, logicamente, é em relação à classificação. O Leão ainda segue vivo, mesmo que o cenário para avançar às quartas de final permaneça complicado. O rubro-negro ainda necessita ultrapassar três times em duas rodadas.

Mas ainda está na disputa e aumentou ainda mais a importância do duelo contra o Ceará, amanhã (3), na Ilha, em partida que também deve fazer pipocar a audiência da TV Jornal - a emissora teve a preferência da maioria do público no Clássico das Multidões. E mesmo que não consiga a classificação, o triunfo no Arruda dá mais tranquilidade para o técnico Jair Ventura trabalhar em cima do melhor encaixe do time. E, mesmo o torcedor do Sport torcendo o nariz, o time já teve um melhor desempenho contra Confiança, Central e Santa Cruz.

LEIA MAIS

> Mesmo com vitória no clássico, classificação do Sport ainda é difícil; veja os cenários da Copa do Nordeste

> TV Jornal é líder absoluta de audiência na transmissão do Clássico das Multidões pela Copa do Nordeste

> “Santa Cruz não se preparou para Copa do Nordeste”, diz João Brigatti após derrota para o Sport

> Modelo drive-thru na eleição do Sport não foi debatido com oposição, que reclama da falta de diálogo

No Santa Cruz, em termos de classificação, ficou praticamente inviável, já que a diferença na pontuação é muito grande (seis pontos) para o quarto colocado, Sampaio Corrêa. A queda precoce com uma campanha muito ruim, cinco derrotas e apenas uma vitória, obviamente leva a algumas reflexões. O técnico João Brigatti alegou que clube não se preparou para a competição. Não deixa de ter razão.

> Fique por dentro da Copa do Nordeste

Após a eleição, foi ventilado que o Santa Cruz faria apenas contratações pontuais. Ficou só o discurso. Já foram trazidos 11 jogadores para montar o elenco, que ainda tem muitas carências. Não à toa. A base do ano passado já não existe mais. Saíram Maycon Cleiton, Toty, Tinga, André e Victor Rangel. Depois, Paulinho e Didira foram convidados a sair. Danny Morais resolveu se aposentar. E um novo Santa precisa ser formado.

Últimas notícias