Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Roberto de Jesus descarta "sentimento de alívio" no Santa Cruz após vitória sobre o Retrô

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 28/04/2021 às 22:53
Roberto de Jesus comandou o Santa Cruz interinamente na partida desta quarta-feira (28). Foto: Rafael Melo/Santa Cruz
Roberto de Jesus comandou o Santa Cruz interinamente na partida desta quarta-feira (28). Foto: Rafael Melo/Santa Cruz
Leitura:

A importante vitória do Santa Cruz sobre o Retrô, na noite desta quarta-feira (28), pela 4ª rodada do Campeonato Pernambucano, aconteceu em momento em que o cenário do Tricolor do Arruda é delicado. Além disso, o triunfo também pôs fim em uma sequência de cinco jogos sem vitórias e garantiu a Cobra Coral nas quartas de final da competição. É natural esperar que, nesse contexto, o principal sentimento do grupo seja o de alívio, mas o auxiliar técnico Roberto de Jesus, que comandou a equipe interinamente nesta partida, afirmou que não é o caso, já que nunca passou pela cabeça do grupo disputar o quadrangular o rebaixamento no Estadual.

LEIA MAIS

>> Sob olhar do novo técnico, Santa Cruz vence Retrô e se classifica para quartas de final do Pernambucano

>> Após vitória sobre o Retrô, Chiquinho diz que “Gallo é passado” no Santa Cruz

>> Santa Cruz fecha contratação do zagueiro Breno Calixto, que já passou pelo Náutico

"Eu tenho certeza que quando o Santa Cruz disputa um Campeonato [Pernambucano], ele é um dos candidatos ao título, pois ele tem dezenas de títulos. Então, para a gente nunca passou na nossa cabeça", disse Roberto, em entrevista coletiva após a partida. O técnico interino fez questão de frisar que fazia tal afirmação com todo respeito aos adversários e com os pés no chão.

Apesar de defender que a classificação é, na verdade, um dever cumprido, Roberto também reconheceu que houve erros e que há limitação no elenco.

"Que nós estávamos jogando mal, nós reconhecemos. E quanto nós reconhecemos que nós temos um erro, que nós temos uma limitação, nós temos uma chance muito grande de crescer. Eu passei isso para os jogadores. 'Nós estamos devendo'. E eles aceitaram isso com uma verdade", revelou.

Roberto contou ainda como fez uma provocação ao elenco, mostrando de que fora o grupo deveria agir nesse momento. "'Vocês quere dar uma resposta e silenciar todo mundo? Vá lá no jogo, execute o que foi comprometido no jogo e aí no final quem vai defender vocês são as pessoas que vão assistir a partida. E foi isso que aconteceu hoje", completou.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SANTA CRUZ

Últimas notícias