Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Finais do Campeonato Pernambucano entre Náutico e Sport terão arbitragem Fifa

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 11/05/2021 às 18:58
As partidas das semifinais também contaram com quartetos de arbitragem de fora de Pernambuco; Anderson Daronco (FIFA-RS) apitou Sport x Salgueiro.  Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
As partidas das semifinais também contaram com quartetos de arbitragem de fora de Pernambuco; Anderson Daronco (FIFA-RS) apitou Sport x Salgueiro. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

CAROLINA FONSÊCA E DAVI SABOYA 

Os dois jogos da final do Campeonato Pernambucano entre Náutico e Sport terão arbitragem Fifa. A utilização do árbitro de vídeo (VAR) na decisão, porém, segue como dúvida. Na tarde desta terça-feira (11), representantes dos clubes se reuniram na Federação Pernambucana de Futebol (FPF), a convite do presidente da entidade, Evandro Carvalho, para debater o assunto.

LEIA MAIS

>> Presidente da FPF diz que ‘não tem como garantir’ presença do VAR nas finais entre Náutico x Sport

>> Final entre Sport x Náutico coloca à prova a melhor defesa contra o ataque mais poderoso do Pernambucano

>> Náutico x Sport: quem será o campeão pernambucano de 2021? Vote na enquete

A arbitragem Fifa foi solicitada, mas o quarteto do primeiro jogo só deve ser oficializado mais perto do final da semana, quando a FPF receber uma confirmação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) com a liberação dos árbitros.

>> Presidente do Náutico quer VAR nas finais diante do Sport: “Não sei porquê ser contra arbitragem de vídeo”

A arbitragem tem sido uma polêmica no Estadual, desde a primeira fase. Nas semifinais, a polêmica sobre importar arbitragem e utilizar o VAR se estendeu por toda a semana que antecedeu as decisões entre Náutico x Santa Cruz e Sport x Salgueiro - na última hora, a empresa que opera o árbitro de vídeo informou problemas técnicos, impossibilitando a utilização do recurso e as duas partidas semifinais foram apitadas por árbitros de fora de Pernambuco.

Mais cedo também nesta segunda-feira, o Náutico se posicionou optando pelo VAR com arbitragem local, de acordo com o presidente do clube, Edno Melo. Após a reunião, o vice-presidente do alvirrubro, Diógenes Braga, que representou o Timbu no encontro na FPF, explicou porque a concordância com a arbitragem Fifa.

"A gente quer o VAR. Em relação a arbitragem, a gente entende que, tendo o VAR, a arbitragem pode ser local porque o VAR corrige alguns erros, mas não tendo a garantia de ter o VAR, como nos foi colocado, nos posicionamos também a favor do árbitro Fifa pelo fato de não se perder a isonomia dessa questão em relação as finais", explicou Diógenes.

A reportagem do JC e Blog do Torcedor também entrou em contato com o presidente do Sport, Milton Bivar, mas ele disse que preferia não falar sobre o assunto. O representante do rubro-negro na reunião foi o diretor de futebol Fred Domingos. "Tivemos uma reunião muito proveitosa na Federação, onde tanto o Sport quanto o Náutico buscou informar a FPF que nós queremos um fator de equilíbrio. A princípio, ficou definido que os dois jogos terão árbitro Fifa e que a Federação vai tentar por todos os meios também conseguir o VAR para os dois jogos", reforçou  Fred.

 

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Últimas notícias