Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

No Santa Cruz, Breno Calixto fala de relação com Bolívar e afirma: "Quero evoluir mais com ele"

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 12/05/2021 às 9:34
Breno Calixto virou titular do Santa Cruz. Foto: Rafael Melo/ Santa Cruz
Breno Calixto virou titular do Santa Cruz. Foto: Rafael Melo/ Santa Cruz
Leitura:

O técnico Bolívar foi um grande zagueiro e é inspiração para muita gente que joga por ali. E um que admira bastante o ex-jogador e agora treinador do Santa Cruz é o defensor Breno Calixto. Para o jogador de 28 anos, Bolívar tem uma história admirável no mundo da bola e é uma referência para ele. Breno e o comandante, aliás, já haviam trabalhado juntos no Cianorte. Agora,  no Tricolor do Arruda, o zagueiro mira evolução do time com o treinador e também projeta melhora individual com um cara que foi referência na posição enquanto atuou.

"O Bolívar é um cara que tem uma história invejável, no bom sentido, dentro do futebol. Um cara campeão brasileiro, de Libertadores e do Mundial. É um cara em que a gente se inspira e é um prazer trabalhar de novo com ele. Já trabalhei com ele no Cianorte, aprendi muita coisa e quero aprender de novo com ele. No futebol a gente nunca está certo de tudo e aprendeu tudo. Quero evoluir mais com ele, um cara da posição. Vai agregar muito para o Santa Cruz inteiro. É um cara gente boa e que dentro de campo faz um trabalho incontestável pelos últimos clubes em que passou", afirmou.

LEIA MAIS

Elicarlos e mais dois jogadores não estão nos planos do Santa Cruz para temporada

Eliminações, erros no futebol, prejuízo para 2022 e mais: a temporada caótica do Santa Cruz até aqui

Breno Calixto fechou com o Santa Cruz após disputar o Campeonato Carioca pelo Madureira. Ele tinha acerto encaminhado com outro clube que disputaria a Série C, mas preferiu o Tricolor do Arruda. "Abri mão para acertar com o Santa Cruz, pela camisa, história e planejamento.... e acho fiz a escolha certa. A gente não pode negar um clube como o Santa Cruz. Sempre achei que era um clube com a minha cara, do povão, de pessoas gente boa e humilde. Estou muito feliz no Santa  Cruz", detalhou.

Eliminado do Pernambucano, o Santa Cruz agora concentra forças na Série C do Campeonato Brasileiro, principal competição do clube na temporada. Para Breno, o entendimento de que um clube do tamanho do Tricolor não pode estar na divisão é fundamental para buscar o acesso. O zagueiro, aliás, é um dos atletas do elenco coral que mais conhece a divisão, uma vez que já jogou defendendo o Náutico e Treze-PB recentemente.

"Joguei três ou quatro Série C, então conheço bem. Muita gente fala que sou jogador de Série C, mas sou jogador de acordo com a competição. Se a Série C me pede mais raça e força, vou adquirir isso. A Série C é isso, não tem campo bom e bonitinho. Um dos melhores campos é o nosso e mais dois ou três. E a Série C não vai passar por qualidade e campo bom, isso é Série B e Série A. Então, com esse entendimento de como é errado o Santa Cruz estar na Série C, a gente cai conseguir subir", finalizou.

O Santa Cruz volta a campo no fim de maio pela Série C. Na estreia da competição, o Tricolor do Arruda encara o Manaus, fora de casa.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SANTA CRUZ

Últimas notícias