Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

No Sport, Marquinhos tem retorno elogiado por Umberto Louzer e vira mais uma opção para o ataque

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 12/05/2021 às 13:59
Marquinhos voltou a jogar na reta final do Pernambucano após fraturar dedo do pé no fim da Série A. Foto: Anderson Stevens/ Sport
Marquinhos voltou a jogar na reta final do Pernambucano após fraturar dedo do pé no fim da Série A. Foto: Anderson Stevens/ Sport
Leitura:

Depois de passar mais de dois meses sem atuar, o atacante Marquinhos voltou aos gramados na última segunda-feira, no duelo entre Sport e Salgueiro, válido pela semifinal do Pernambucano. Aos 18 minutos do segundo tempo, o jogador foi acionado pelo técnico Umberto Louzer para tentar destravar o time, que fazia uma atuação pouco inspirada. Apesar de não ter participado efetivamente do lance que gerou o gol do Rubro-Negro, Marquinhos teve uma boa performance, que foi elogiada pelo treinador leonino. Atuando numa faixa mais central do campo, quase que como um "10", o atacante agradou e agora é mais uma opção no ataque do Sport.

"O Marquinhos é um atleta que tem essa capacidade, tanto para jogar pelo corredor, como também pelo meio-campo. É um atleta que nos dá essa versatilidade, tem esse jogo combinado, mas também mais agressivo. Tem essa capacidade do drible, de uma finalização. Então por isso optamos por ele", explicou Umberto Louzer. Ainda de acordo com o treinador, a escolha por utilizá-lo na faixa central e não na beirada é por questões físicas, uma vez que Marquinhos está retornando de lesão.

"É uma atleta que ainda está buscando sua condição física, então buscamos jogar ele por dentro, porque o desgaste é menor do que quando joga pelos corredores, porque tem que fazer o bate volta. Entrou bem, nos deu essa mobilidade e aquilo que esperávamos dele, e é um atleta que vai crescer junto com os demais. Vamos recondicioná-lo porque tenho certeza que vai nos ajudar bastante temporada", detalhou o técnico do Sport.

LEIA MAIS

Náutico x Sport: mais foco dentro de campo do que fora dele

“Não estamos procurando reforços”, afirma diretor do Sport

Sport perto de concretizar empréstimo do zagueiro Chico para o Remo

Em reunião, FPF cogitou presença de público nas finais do Estadual entre Náutico x Sport

Na Série A de 2020, Marquinhos foi titular absoluto do ataque do Sport. Em 32 jogos pelo Rubro-Negro, o atacante marcou três gols e deu duas assistências. Na temporada passada, no entanto, a concorrência pelo setor era baixa, uma vez que a equipe tinha poucas peças, diferentemente de 2021. Além de Marquinhos, o Sport tem outros nomes que concorrem por vagas nas beiradas do ataque: Toró, Neilton, Everaldo e Maxwell. E a concorrência não para por aí, uma vez que Paulinho Moccelin, atacante de lado, está chegando para a Série A, e o uruguaio Leandro Barcia retorna no decorrer da Primeira Divisão.

Se Louzer preferir utilizar Marquinhos no meio-campo, a concorrência também é alta, embora seja com um número de peças menor. Como meia armador, o Sport conta com Thiago Lopes, que vem sendo titular; Gustavo, prata da casa e que está agradando, apesar de estar na reserva; e Thiago Neves, que está fora do time por questões físicas, mas pode retornar no próximo domingo, contra o Náutico, no primeiro jogo da final do Pernambucano.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Últimas notícias