Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Técnico Xavi renova com Al-Sadd e retorno ao Barça fica mais distante

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 13/05/2021 às 12:04
Xavi é um dos principais jogadores da história do Barcelona. Foto: AFP
Xavi é um dos principais jogadores da história do Barcelona. Foto: AFP
Leitura:

AFP - A volta de Xavi Hernández ao Barcelona como treinador ficou mais distante depois que seu atual clube, o catari Al-Sadd, anunciou a renovação do treinador catalão por mais duas temporadas.

Xavi, de 41 anos, está constantemente na lista de potenciais treinadores do Barça, até para substituir Ronald Koeman se o atual técnico azulgraná não continuar na próxima temporada.

"Estou orgulhoso de continuar no Al Sadd", declarou às mídias do clube Xavi Hernández, que desde que assumiu o clube no verão de 2019, conquistou seis títulos, que poderiam ser sete se o seu time vencer a final da Copa do Emir.

LEIA MAIS

> Uefa abre processo disciplinar contra Real Madrid, Barcelona e Juventus por Superliga

> Buffon se despede da Juventus, mas não do futebol

> “Uefa não pode ficar passiva” diante da Superliga, diz presidente da LaLiga

Diante da possibilidade de renovação, a imprensa espanhola noticiou que o novo contrato incluiria uma cláusula rescisória para que Xavi pudesse assinar com outra equipe, especialmente o Barcelona, algo que o campeão mundial de 2010 se encarregou de negar.

"Está incorreto. Tenho um contrato de duas temporadas com o Al-Sadd e respeito esse contrato, assim como os métodos tradicionais de negociação entre todas as partes", garantiu ele.

"Conseguimos muitas coisas juntos, marcamos gols e vencemos jogos e títulos, e estou muito orgulhoso dessas conquistas. Ter este tipo de apoio é o melhor que um treinador pode ter", acrescentou.

"Tenho tudo o que preciso para fazer bem e estou orgulhoso de poder continuar com o Al-Sadd por mais duas temporadas", insistiu.

Últimas notícias