Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

Adversários do Sport na Série A: os principais rivais na briga pela permanência

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 28/05/2021 às 10:23
América Mineiro é comandado por Lisca. Foto: Reprodução/ Twitter do América
América Mineiro é comandado por Lisca. Foto: Reprodução/ Twitter do América
Leitura:

Cuiabá, Chapecoense, América Mineiro, Juventude e Atlético Goianiense. Cinco clubes que, assim como o Sport, entram na Série A buscando permanecer. No decorrer do campeonato podem existir outros concorrentes, mas antes da bola rolar, levando em consideração elencos e poder de investimento, esses são os principais rivais do Rubro-Negro na luta para ficar na elite do futebol brasileiro. Os quatro primeiros são recém-promovidos, enquanto o Atlético Goianiense fez uma campanha tranquila - inclusive conseguindo vaga na Copa Sul-Americana - e permaneceu em 2020.

LEIA MAIS

> Sport precisa mostrar serviço na Série A do Campeonato Brasileiro

> Veja datas, horários e locais dos jogos do Sport na Série A do Campeonato Brasileiro

> Confira a tabela do 1º turno da Série A do Campeonato Brasileiro

> Torcedor símbolo do Sport, Marivaldo recebe prêmio Fifa Fan Award

Remanescente da Série A do ano passado, o Atlético Goianiense entra na competição com um velho conhecido no comando técnico. Trata-se de Eduardo Barroca, que conquistou o acesso à elite do futebol brasileiro com o Dragão em 2019. Ele foi anunciado nesta sexta-feira e chega para substituir Jorginho. Com relação ao elenco, a equipe conta com a base do ano passado, com destaques para o atacante Janderson e o volante Marlon Freitas. Sobre o desempenho na atual temporada, o Atlético Goianiense fez uma boa campanha na Sul-Americana, apesar de ter sido eliminado - sem perder um jogo. Já na Copa do Brasil o clube está na terceira fase e enfrenta o Corinthians, enquanto no Campeonato Goiano foi semifinalista.

Campeã da Série B em 2020, a Chapecoense entra na Série A mirando a permanência. Após perder o técnico Umberto Louzer para o Sport, o clube apostou em Mozart como substituto. Mas após a derrota na final do Estadual para o Avaí, a Chape desligou o treinador. Apesar de ter mantido algumas peças importantes da campanha do ano passado, vide o volante Anderson Leite e o atacante Anselmo Ramon, a Chape conviveu com perdas importantes no seu elenco, como por exemplo o zagueiro Luiz Otávio e o atacante Paulinho Moccelin. Sobre o desempenho na atual temporada, a equipe perdeu o Campeonato Catarinense para o Avaí. Além disso, estreia na Copa do Brasil na próxima semana, diante do ABC, pela terceira fase.

Após passar 2019 e 2020 longe da Série A, o América Mineiro retorna para a elite do futebol brasileiro buscando a permanência, algo que geralmente não acontece quando o clube disputa a Primeira Divisão. E para conseguir esse objetivo o Coelho aposta no ótimo trabalho do técnico Lisca, que está no comando desde o ano passado. Com relação ao elenco, o América manteve boa parte da base que subiu, com destaque para os atacantes Ademir e Rodolfo. Apesar disso, no entanto, o time sofreu baixas importantes, vide o goleiro João Ricardo e o zagueiro Messias. Sobre o desempenho na atual temporada, a equipe ficou com o vice do Estadual, empatando os dois jogos com o Atlético Mineiro, mas ficando em segundo por conta dos critérios. Além disso, está na terceira fase da Copa do Brasil, onde enfrenta o Criciúma.

A Série A 2021 terá um estreante: o Cuiabá. Criado em 2001, o clube vai disputar a elite do futebol brasileiro pela primeira vez. Com isso, claro, entra buscando permanecer. Para comandar o time, Alberto Valentim, com passagens pela Primeira Divisão, foi o escolhido. Sobre o elenco, a equipe conta com alguns nomes experientes e conhecidos do futebol brasileiro, vide o goleiro Walter, o zagueiro Marllon e o atacante Clayson. Com relação ao desempenho na atual temporada, o Cuiabá sagrou-se campeão mato-grossense, além de ter caído na segunda fase da Copa do Brasil.

Após mais de 13 anos longe da Série A, o Juventude disputará a elite do futebol brasileiro em 2021. E o clube apostou no técnico Marquinhos Santos para comandar o time na busca pela tão sonhada permanência. Com relação ao elenco, o Alviverde tem jogadores rodados, vide os meias Wescley e Wagner, além do atacante Matheus Peixoto. Na atual temporada, o Juventude foi eliminado nas semifinal do Campeonato Gaúcho e na segunda fase da Copa do Brasil.

RAIO-X

Atlético Clube Goianiense

Fundação: 2 de abril de 1937

Principais títulos: Campeonato Brasileiro Série B (1x) e 15 estaduais

Time-base: Fernando Miguel; Dudu, Nathan Silva, Éder e Natanael; Marlon Freitas e Willian Maranhão; Janderson, André Luís e Danilo Gomes; Zé Roberto

Técnico: Eduardo Barroca (anunciado nesta sexta-feira, 28)

Destaques: Janderson e Marlon Freitas

Desempenho em 2021: semifinalista do Campeonato Goiano, eliminado na fase de grupos da Sul-Americana, e está na terceira fase da Copa do Brasil

América Futebol Clube

Fundação: 30 de abril de 1912

Principais títulos: Campeonato Brasileiro Série B (2x) e 16 estaduais

Time-base: Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Anderson, Eduardo Bauermann e Marlon Lopes; Zé Ricardo, Juninho e Alê; Ademir, Felipe Azevedo e Rodolfo

Técnico: Lisca

Destaques: Ademir e Rodolfo

Desempenho em 2021: vice do Campeonato Mineiro e está na terceira fase da Copa do Brasil

Associação Chapecoense de Futebol

Fundação: 10 de maio de 1973

Principais títulos: Copa Sul-Americana (1x), Campeonato Brasileiro da Série B (1x) e sete estaduais

Time-base: Keiller; Matheus Ribeiro, Laércio, Derlan e Busanello; Léo Gome e Anderson Leite; Fabinho, Perotti e Mike; Anselmo Ramon

Técnico: sem técnico, demitiu Mozart na quinta (27)

Destaques: Anderson Leite e Perotti

Desempenho em 2021: vice do Campeonato Catarinense e está na terceira fase da Copa do Brasil

Cuiabá Esporte Clube

Fundação: 12 de dezembro de 2001

Principais títulos: dez estaduais e Copa Verde (2x)

Time-base: Walter; Lucas Ramon, Marllon, Anderson Conceição e Uendel; Camilo e Pierini; Jonathan Cafu, Rafael Gava e Clayson; Élton

Técnico: Alberto Valentim

Destaques: Walter e Marllon

Desempenho em 2021: campeão do Mato-Grossense e eliminado na segunda fase da Copa do Brasil

Esporte Clube Juventude

Fundação: 29 de junho de 1913

Principais títulos: Copa do Brasil (1x), Campeonato Brasileiro da Série B (1x) e Campeonato Gaúcho (1x)

Time-base: Marcelo Carné; Paulo Henrique, Vitor Mendes, Rafael Foster e Eltinho; João Paulo e Guilherme Castilho; Capixaba, Wescley e Marcos Vinícius; Matheus Peixoto

Técnico: Marquinhos Santos

Destaques: Matheus Peixoto e Guilherme Castilho

Desempenho em 2021: eliminado nas semifinal do Campeonato Gaúcho e na segunda fase da Copa do Brasil

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Últimas notícias