Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

"Minha carreira na Argentina acabou", diz Tévez em despedida do Boa Juniors

Davi Saboya
Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 05/06/2021 às 18:19
Tévez afirmou que só joga em um clube na Argentina. Foto: AFP
Tévez afirmou que só joga em um clube na Argentina. Foto: AFP
Leitura:

AFP - O atacante argentino Carlos Tévez, de 37 anos, anunciou nessa sexta-feira que está encerrando seu contrato com Boca Juniors.

Numa coletiva de imprensa, o jogador afirmou que chegou ao fim sua terceira passagem pelo clube da Argentina, alegando razões familiares, mas deixou aberta a possibilidade de ir para outra equipe, mas não de imediato.

"Minha carreira na Argentina acabou, eu sempre disse que o único clube que jogaria seria o Boca, sem dúvida", disse Tévez aos jornalistas na sede da equipe de Buenos Aires.

LEIA MAIS

> Brasil vence Equador e segue invicto nas Eliminatórias Sul-Americanas

> Chelsea anuncia renovação do contrato de Thiago Silva

> Barcelona anuncia permanência do técnico Ronald Koeman

Dou "um passo para o lado porque não consigo continuar mentalmente, não sei o que vou fazer da minha vida, agora quero descansar e estar com a minha família", destacou o jogador.

“Pensei que este momento nunca chegaria, mas aqui estou para dizer que não irei continuar no clube, não é um adeus a esta camisa mas até logo porque estarei sempre, embora não como jogador", explicou.

O atacante também se referiu à morte de seu pai adotivo, Segundo Tévez, falecido em fevereiro passado aos 58 anos, vítima do covid-19.

"O Boca pede que você dê o máximo e eu não estou mentalmente em posição de dar, eu nem tive tempo para guardar luto pelo meu pai e já estava jogando novamente que isso que o Boca exige", concluiu Tévez antes de começar a chorar.

Últimas notícias