03
out

Não caia no conto da ‘dieta milagrosa’ para o Verão

03 / out
Publicado por Luana Ponsoni às 11:03

Pesquisas apontam números alarmantes de desistência e ganho de peso após adesão a dietas rigorosas demais. Foto:Divulgação

Apesar de a abertura oficial do Verão só acontecer em dezembro, no Nordeste, a data é antecipada para 7 de setembro. Na mesma proporção em que os dias começam a esquentar, cresce também a corrida por dietas milagrosas. O desespero para se sentir mais confortável nos trajes de banho faz muitas pessoas adotarem uma conduta alimentar radical, cortando deliberadamente opções com nutrientes importantes para o bom funcionamento do organismo. E o que é pior, sem a orientação de um profissional de nutrição.

Nós precisamos ter em mente que essas dietas absurdamente restritivas não duram muito tempo, são impraticáveis em dias corridos. Sem falar da grande oferta de opções calóricas, principalmente nesta temporada de fim de ano, quando as confraternizações, festas como o Natal e o Réveillon, e até o Carnaval ganham uma dimensão fora do comum e todo mundo tende a se permitir”

Wal Paes, nutricionista e personal trainer

De acordo com o especialista, pesquisas mostram que 95% das pessoas que aderem aos programas metabólicos radicais (dietas) voltam a ganhar peso. Tudo acontece em razão da inviabilidade de se colocar em prática esses protocolos de alimentação.

Nutricionista Wal Paes defende que é possível comer o que se tem vontade, mas com moderação. Foto:Divulgação

“As pessoas não confiam mais em seus corpos e o que sempre foi base agora virou inimigo. Existem coisas que não podemos substituir, como cerveja, refrigerante e salgadinhos. Não vai adiantar estar com amigos e comer chips de batata doce ou mesmo de banana como se fosse tal salgado. Não podemos desrespeitar nossas vontades até porque o cérebro não entende isso, algo que foi imposto de forma inesperada. Deu vontade? Coma, mas coma com consciência e sabendo a diferença entre fome, vontade e gula. E que a gula é o que faz engordar”, declarou.

Para se sentir bem em todos os Verões o ideal é entrar de cabeça em um processo de reeducação alimentar. Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

Portanto, se a meta imediata for este Verão, comece a se cuidar agora, mas sem a expectativa de que todos os excessos cometidos ao longo do ano serão sanados até dezembro, janeiro. O ideal é entrar de cabeça em um processo de reeducação alimentar, com a orientação de um nutricionista. Além de praticar atividades físicas com regularidade, claro. Essas atitudes vão garantir que a autoestima e, sobretudo, a saúde estejam sempre em dia, independente da estação do ano.

 


Veja também