12
fev

Pilates é aliado no combate à fibromialgia

12 / fev
Publicado por Luana Ponsoni às 15:18

O pilates consegue corrigir desequilíbrios posturais gerados pela rigidez nos tecidos de quem tem fibromialgia. Foto: Divulgação

Mais comum do que muita gente pode imaginar, a fibromialgia é uma síndrome que causa dor em várias partes do corpo, com sensibilidade nos músculos, articulações, tendões e outros tecidos moles. A doença não tem causa definida e o tratamento inclui o uso de remédios e ações não medicamentosas. Uma das atividades que ajudam muito a aliviar os sintomas é o pilates.

 “É uma síndrome no tecido fibroso e muscular que provoca dor por várias partes do corpo. Isso acontece devido a uma alteração da interpretação dos estímulos recebidos pelo cérebro, por exemplo um simples abraço ou aperto de mão pode provocar desconforto”, explicou a profissional de educação física e pós-graduada em fisiologia do exercício, biomecânica e pilates, Patricia Bueno.

A doença, na maioria das vezes, afeta mulheres entre 30 a 60 anos, mas também pode acometer homens e adolescentes.  “Todos os exercícios liberam substâncias que geram prazer como endorfina e serotonina. Para este tratamento, os exercícios devem ser prazerosos, com ênfase na mobilização para que esses hormônios sejam liberados e favoreçam o paciente”, explicou Patrícia.

O pilates se apresenta como opção ideal para combater a fibromialgia, pois o fortalecimento e o alongamento de pessoas com essa doença devem ser realizados com evolução gradual. Bem mais lenta que na maioria da população, para que não ocorram dores após os exercícios.

Ainda segundo Patricia, as aulas de pilates são globais. Por essa razão, é possível trabalhar dos pés à cabeça, visando a reeducação postural, fortalecendo o que está enfraquecido e alongando o que está encurtado. “Quem possui fibromialgia tem tendência a possuir maior rigidez nos tecidos, o que ocasiona desequilíbrio postural. O instrutor de pilates irá analisar e trabalhar para que ocorra esse equilíbrio muscular e favorecer o relaxamento de toda estrutura corporal”, concluiu.


Veja também