prisão

PF prende "Véi Davi", condenado por planejar o furto ao Banco Central

A prisão aconteceu a partir de uma investigação da Polícia Federal no Ceará

Do jornal O Povo para a Rede Nordeste
Do jornal O Povo para a Rede Nordeste
Publicado em 26/10/2021 às 22:50
Notícia
Justiça Federal do Ceará
PF prende homem conhecido como "Véi Davi", condenado por planejar o roubo ao Banco Central - FOTO: Justiça Federal do Ceará
Leitura:

Na manhã desta terça-feira (26) um homem de 58 anos foi preso pela Polícia Federal por mandado de prisão preventiva por crime cometido em março de 2003 no município mineiro de Uberlândia. A matéria é do jornal O Povo para a Rede Nordeste.

Ele é acusado de extorsão mediante sequestro a gerente e funcionário da Caixa Econômica Federal. Na ocasião da ocorrência, Davi Silvano da Silva, conhecido como "Véi Davi", também fez de refém os filhos do gerente do banco no município de Araguari (MG).

O homem tem uma condenação a 47 anos de reclusão por planejar e executar o furto ao Banco Central, em agosto de 2005, quando foram levados 164,7 milhões em notas de R$ 50. O crime que ficou conhecido, à época, como o maior roubo a banco já registrado no País.

A prisão preventiva foi determinada pela 2ª Vara Federal em Uberlância/MG. Ele também tem condenação pela ocultação do dinheiro furtado em uma residência no bairro Mondubim, em Fortaleza.

O homem, que já foi encarcerado em penitenciárias de segurança máxima ,foi encaminhado ao sistema prisional e está à disposição da Justiça Federal.

Comentários

Últimas notícias