CORREÇÃO

Policiais federais devem ter reajuste até 2022, diz Bolsonaro

O ministro da Justiça, Anderson Torres, entregou na segunda (13) ao ministro da Economia, Paulo Guedes, uma proposta para "restruturação das carreiras" policiais

Agência Brasil
Agência Brasil
Publicado em 14/12/2021 às 15:44
Antonio Cruz/Agência Brasil
Bolsonaro na cerimônia de lançamento da Operação Rodovida nas rodovias federais do País, nesta terça (14) - FOTO: Antonio Cruz/Agência Brasil
Leitura:

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta terça-feira (14), que ainda de tarde vai tratar com a equipe econômica sobre reajuste salarial para agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF) e do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) até o ano que vem. "Temos que valorizar vocês também, não podemos ficar apenas nos discursos e nas promessas", afirmou o presidente. "A questão de recursos [para o reajuste salarial] para vocês, a parte humana, se Deus quiser, hoje à tarde a gente resolve", disse o presidente, que também convidou os diretores da PRF, Silvinei Vasques, e da Polícia Federal (PF), Paulo Maiurino, para participarem da reunião.

O compromisso para tratar do assunto foi feito para uma plateia de servidores desses órgãos durante cerimônia, no Palácio do Planalto, de lançamento do programa Rodovida 2022, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio do Ministério da Infraestrutura. A ação tem como foco a integração entre órgãos públicos federais, estaduais e municipais para a fiscalização, prevenção e redução de acidentes de trânsito.
 
Na segunda-feira (13), sem dar detalhes, por meio das redes sociais, o ministro da Justiça, Anderson Torres, já havia adiantado que entregou ao ministro da Economia, Paulo Guedes, uma proposta para "restruturação das carreiras" policiais. Segundo ele, a medida busca "ainda mais valorização das forças de segurança".

Últimas notícias