IFPE

MEC libera R$ 16,3 milhões para construção de novo campus do IFPE em Abreu e Lima

Campus do IFPE, atualmente, funciona em prédio alugado pela Prefeitura de Abreu e Lima. Obras devem ser concluídas no segundo semestre de 2018

JC Online
JC Online
Publicado em 13/06/2017 às 19:34
Divulgação
Campus do IFPE, atualmente, funciona em prédio alugado pela Prefeitura de Abreu e Lima. Obras devem ser concluídas no segundo semestre de 2018 - FOTO: Divulgação
Leitura:

O Ministério da Educação liberou R$ 16.351.880,62 milhões para a construção do novo campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) no município de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. Atualmente, o campus da cidade funciona em prédio alugado pela Prefeitura de Abreu e Lima e recebe cerca de 120 alunos na unidade.

A licitação para a construção da nova unidade será por meio do Regime Diferenciado de Contratação (RDC), o qual fornece mais celeridade ao processo de contratação e, consequentemente, adianta o início das obras. As obras do novo prédio do IFPE no município está prevista para ser concluída em até 12 meses, devendo ser finalizada no segundo semestre de 2018. Após ser finalizada, a unidade deverá receber 1.200 alunos.

De acordo com o ministro da educação, Mendonça Filho, a construção do campus é resultado do esforço da gestão, que está retomando obras e projetos paralisados, além da parceria com o governo municipal, que doou o terreno para a construção. "A nova unidade agora é uma realidade. Vamos tirar o projeto do papel e garantir não só a ampliação do número de vagas, mas também melhorar a qualidade do ensino. Pois, com as novas instalações, vamos possibilitar a oferta de cursos superiores e de pós-graduação na unidade", afirmou.

Pelas questões de limitação do campus, a unidade oferece exclusivamente cursos técnicos, de qualificação continuada e de formação inicial continuada. O funcionamento do local foi autorizado em 2014, mas o funcionamento só teve início apenas no primeiro semestre de 2016 com a sede provisória em parte do Colégio São José, que é uma instituição particular, localizada no bairro do Timbó. As instalações foram alugadas pela prefeitura do município para garantir o funcionamento da unidade, que é a única do IFPE na Região Metropolitana do Recife a oferecer o curso de enfermagem.

Ministério também libera recursos para saneamento do IFPE de Belo Jardim

Além dos recursos para a construção do campus em Abreu e Lima, o Ministério da Educação também anunciou a liberação de R$ 1.440.429,92 milhão para a requalificação do saneamento do campus do IFPE no município de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco. Os recursos vão ajudar a modernizar a rede de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, que ainda funciona em estruturas insalubres e insuficientes, pois não contempla todos os prédios do campus.

“O novo sistema de saneamento será construído em paralelo ao já existente, de modo que a obra não terá dificuldades em ser executada. Apenas após a conclusão da obra a rede atual será desativada, o que não vai prejudicar as atividades da unidade”, comentou o ministro Mendonça Filho. As obras também devem ser finalizadas no segundo semestre de 2018 e não vão prejudicar ou interromper o sistema de água e esgoto em funcionamento, garantindo o abastecimento até a sua conclusão.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias