CONFUSÃO

População incendeia ônibus após atropelamento em Boa Viagem

Mulher de 45 anos estava com os dois filhos numa bicicleta quando foi atropelada e morta por um ônibus, na noite de domingo (8). População reagiu e ateou fogo no coletivo

Diogo Menezes
Diogo Menezes
Publicado em 09/05/2011 às 7:22
Fotos: Guga Matos/JC Imagem
FOTO: Fotos: Guga Matos/JC Imagem
Leitura:

Um atropelamento terminou com uma morte e um ônibus totalmente incendiado, na noite de domingo (8), no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife. A dona de casa Sandra Lúcia Maria Vieira, 45 anos, voltava da igreja carregando dois filhos numa bicicleta quando foi atropelada por um ônibus da empresa Borborema, na Avenida Desembargador José Neves. Residente do Conjunto Habitacional Via Mangue, ela morreu na hora. Um dos filhos adolescente foi levado ao Hospital da Restauração (HR), no Derby. O outro teve apenas ferimentos leves.

Revoltados com o acidente, moradores da comunidade Beira Rio atearam fogo no coletivo, que fazia a linha Dois Carneiros/Boa Viagem, e espancaram o motorista. Com a chegada da polícia, Marcos José Coelho Ramos foi levado à unidade de prontoatendimento da Imbiribeira. Com medo de ser agredido, o cobrador fugiu.

Após o ônibus ser incendiado, vários moradores da localidade foram ao local protestar. Eles exigem que a Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) coloque um semáforo na via. "Dia de domingo, os motoristas de ônibus não respeitam nada. Passou das 16h, eles só andam por aqui em alta velocidade", reclamou o pintor Josimar Gomes dos Santos, 24. "Aqui já teve uma criança acidentada. Um idoso quase que era atropelado no mês passado. A gente cansou de pedir que coloquem um semáforo, mas ninguém atende", contou a dona de casa Vânia da Silva, 42.

OLINDA - Outra mulher morreu no domingo (8), numa colisão entre duas motos, na PE-15, em Olinda, nas proximidades do Hotel Status. Maurici Monte dos Santos, 46, estava na garupa da motocicleta, conduzido pelo filho, e morreu na hora. Ela trabalhava no hotel e seguia para casa.

O casal que estava na outra moto foi levado ao Hospital Miguel Arraes, em Paulista. O acidente deixou o trânsito lento na PE-15, no sentido Olinda-Paulista.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias