protesto

Grito dos Excluídos reúne manifestantes no Centro do Recife

A 18° edição do protesto contou com a participação de cerca de dois mil manifestantes

Allan Nascimento
Allan Nascimento
Publicado em 07/09/2012 às 13:14
Foto: Bernardo Soares/JC Imagem
A 18° edição do protesto contou com a participação de cerca de dois mil manifestantes - Foto: Bernardo Soares/JC Imagem
Leitura:

A Central Única dos Trabalhadores (CUT-PE) promoveu nesta sexta (7) a tradicional manifestação do Grito dos Excluídos. Cerca de duas mil pessoas participaram da passeata, que contou com a adesão de diversos representantes de movimentos sociais.

O grupo se reuniu na Praça Oswaldo Cruz e seguiu pela Avenida Conde da Boa Vista, área central do Recife. Segundo o presidente da CUT-PE, Carlos Veras, o número de participantes do protesto superou as expectativas. "O Grito representa uma unificação das minorias do Estado para enfrentar os desafios sociais", afirmou durante a passeata.

Os manifestantes criticaram no evento deste ano, principalmente, o modelo de desenvolvimento econômico adotado por Pernambuco. Participaram membros do Movimento dos Sem-Terra (MST), representantes de organizações religiosas, feministas, estudantes, entre outros grupos.

A 18° edição do Grito dos Excluídos apresentou como tema “A vida em primeiro lugar. Queremos um Estado a serviço da Nação, que garanta direitos a toda população”.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias