TRANSPORTES

Passagem de ônibus terá reajuste esta sexta-feira

Percentual será definido na reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano. Empresas pedem majoração de 13% e o Estado quer seguir o IPCA, de 5,7%

Rafael Carvalheira
Rafael Carvalheira
Publicado em 03/01/2013 às 6:52
Leitura:

O Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM) reúne-se esta sexta (4) para definir o reajuste da passagem de ônibus na Região Metropolitana do Recife (RMR). A reunião foi convocada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana/PE), que pediu 13% de aumento nas tarifas.

Infográfico

Veja os valores das passagens de ônibus

No entanto, o Grande Recife Consórcio de Transporte adiantou que vai apresentar uma contraposta de reajuste de 5,75%, índice correspondente ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado até a segunda quinzena de dezembro de 2012. O reajuste com base no IPCA vem sendo aplicado pelo governo desde 2007. A reunião será às 8h, na sede do Grande Recife, no Cais de Santa Rita. A imprensa não poderá acompanhar.

Caso o reajuste proposto pelo Urbana seja aprovado, a tarifa do Anel A, aplicado na maioria das linhas que circulam pela RMR, sairá dos atuais R$ 2,15 para R$ 2,43. Com o reajuste proposto pelo governo, a passagem ficaria em R$ 2,27 (veja quadro acima). Os valores devem ser arredondados para facilitar o troco.

De acordo com a assessoria de imprensa do sindicato, o reajuste com percentual de 13% é necessário por causa de gastos referentes a combustível, manutenção dos veículos, compras de pneus e pagamento da folha dos funcionários das empresas.

O último reajuste das passagens de ônibus ocorreu em janeiro do ano passado, quando foi aplicado um aumento de 6,5% nas tarifas. Na época, os empresários haviam defendido um acréscimo de 17,2%.

O CSTM é composto por membros do governo do Estado, prefeituras e câmaras de vereadores da Região Metropolitana, empresários do sistema de transporte, representantes de usuários e de classes estudantis.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias