Metrô

Após seis dias sem atividades, estações Camaragibe e Cosme e Damião voltam a funcionar

Ramais da Linha Centro do Metrô ficaram inutilizados devido ao apagão que atingiu a Região Metropolitana do Recife na quarta-feira (17)

Danilo Galindo
Danilo Galindo
Publicado em 23/12/2014 às 11:42
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Ramais da Linha Centro do Metrô ficaram inutilizados devido ao apagão que atingiu a Região Metropolitana do Recife na quarta-feira (17) - Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Atualizada às 11h52

Após quase uma semana sem funcionar devido ao apagão que atingiu a Região Metropolitana do Recife (RMR) na última quarta-feira (17), as estações Camaragibe e Cosme e Damião da Linha Centro do Metrô voltaram a às atividades no final da manhã desta terça-feira (23). O primeiro trêm saiu da estação Camaragibe às 11h05, dentro do prazo estipulado mais cedo pelo Metrorec. De acordo com a CBTU, cerca de 50 mil pessoas que utilizam o ramal Camaragibe diariamente foram prejudicadas.

Todo o sistema de sinalização do ramal Coqueiral até Camaragibe foi danificado pela queda de um cabo de transmissão de 230 mil volts da Companhia Hidroelética de São Francisco (Chesf) caiu na linha do Metrô e ocasionou um curto-circuito generalizado no sistema de sinalização no ramal Camaragibe. O acidente comprometeu o funcionamento da linha Centro, que foi restabelecido gradativamente. 

As estações Alto Céu, Curado e Rodoviária também tiveram o funcionamento afetado, mas as atividades foram retomadas no sábado (20). As estações Camaragibe e Cosme e Damião foram as mais afetadas com a queda do cabo de alimentação.

De acordo com o diretor de operação da Chesf, Mozart Bandeira, o apagão aconteceu em decorrência de um defeito entre as subestações do Bongi e de Joairam, no Curado. "Entre as duas instalações, três linhas fazem a transmissão de energia para o Grande Recife. Uma dessas linhas sofreu dois curto circuitos, o que provocou o desligamento das subestações", afirma o diretor de operações. Juntas, as duas subestações abastecem 60% da Região Metropolitana do Recife.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias