violência

Jovem baleado no Espinheiro segue internado no Hospital da Restauração

O comerciante de 21 anos comemorava o aniversário em um restaurante, quando foi atingido por um disparo feito por um policial militar que também estava no local

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 01/07/2015 às 22:16
Foto: Reprodução/TV Jornal
O comerciante de 21 anos comemorava o aniversário em um restaurante, quando foi atingido por um disparo feito por um policial militar que também estava no local - FOTO: Foto: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

O comerciante Eduardo Vitor Monteiro dos Santos, de 21 anos, está internado no Hospital da Restauração (HR), área central do Recife, desde o último sábado (27), após ser baleado por um policial militar dentro de um restaurante no Espinheiro, Zona Norte do Recife. De acordo com a família do jovem, o homem que realizou o disparo estava sem farda e teria atirado depois de se envolver em uma briga por conta da namorada. 

O irmão de Eduardo disse, em entrevista à TV Jornal, que o irmão foi ao restaurante comemorar o aniversário. "Ele não tinha nada a ver com a responsabilidade da casa de revistar quem estava entrando e permitir que uma pessoa que não estava fardada nem em seu trabalho no estabelecimento", relatou.

Eduardo Vitor precisa passar por cirurgia no fêmur, pois o osso foi atingido pela bala e quebrou. O projétil está alojado na perna dele.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias