MARCOLINO JÚNIOR

Vai a julgamento acusado de matar colunista social

Rafael Leite da Silva é acusado de homicídio triplamente qualificado, furto e ocultação do cadáver do jornalista

Editoria de Cidades
Editoria de Cidades
Publicado em 20/06/2017 às 10:13
Foto: Arquivo Pessoal
Rafael Leite da Silva é acusado de homicídio triplamente qualificado, furto e ocultação do cadáver do jornalista - FOTO: Foto: Arquivo Pessoal
Leitura:

O acusado pela morte do colunista social Marcolino Júnior, no ano passado, será julgado nesta quarta (21). Rafael Leite da Silva é acusado de homicídio triplamente qualificado, furto e ocultação do cadáver do jornalista. A sessão será realizada na Vara do Tribunal do Júri, na comarca de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, às 9h. O julgamento será conduzido pela juíza Priscila Vasconcelos.

Na ocasião, serão ouvidas quatro testemunhas, além de Rafael. De acordo com a Polícia Civil, o acusado dopou Marcolino e aplicou um golpe de jiu-jitsu no jornalista, mantando-o a facadas em seguida. O crime aconteceu dentro de um motel, em Caruaru. O corpo de Marcolino foi colocado na mala do veículo do colunista e deixado em uma área do distrito de Isurreição, em Sairé, também no Agreste. O corpo de Marcolino foi localizado dois dias depois.

Em abril do ano passado, Rafael foi preso e atualmente se encontra na Penitenciária Juiz Plácido de Souza.

Outro acusado

Também acusado de participar da morte do jornalista, o processo contra Davi Fernando Ferreira está em fase final de alegações. Essa etapa antecede a decisão se ele irá ou não à júri. O acusado chegou a ser preso, mas está respondendo em liberdade após a Justiça conceder liberdade provisória. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias