Acidente

Árvore cai no Hospital Oswaldo Cruz e atinge terceirizado na cabeça

Galhos da árvore do Hospital Oswaldo Cruz atingiu um homem de 63 anos na queda. Serviços do hospital não foram interrompidos.

JC Online
JC Online
Publicado em 28/06/2017 às 10:32
Foto: Cortesia
Galhos da árvore do Hospital Oswaldo Cruz atingiu um homem de 63 anos na queda. Serviços do hospital não foram interrompidos. - FOTO: Foto: Cortesia
Leitura:

Uma árvore tombada caiu no terreno do Hospital Universitário Oswaldo Cruz na manhã desta quarta-feira (28). De acordo com nota divulgada pela assessoria de comunicação da instituição, galhos da árvore atingiram um prestador de serviço do hospital ligado à UPE. O homem de 63 anos passa bem e foi encaminhado por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital da Restauração, onde realizou exames.

A árvore tombou no corredor de passagem próxima ao setor de Doenças Infecto Parasitárias. A área é coberta e ficou destruída. O homem estava sentado no momento do acidente e teve a cabeça atingida por uma parte da árvore.

A assessoria de comunicação afirmou, ainda, que os serviços do hospital não foram interrompidos pelo acidente. Informaram também que engenheiros estão no local inspecionando as outras árvores do local. Bombeiros foram acionados para fazer a remoção da árvore.

Confira nota da assessoria na íntegra:

No início da manhã, às 6h15, desta quarta-feira (28/06) caiu uma árvore tombada sob a passagem próxima ao pavilhão do DIP Adulto (Doenças Infecto Parasitárias) no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc/UPE).

No momento havia um prestador de serviços sentado em um dos bancos e alguns galhos da árvore o atingiu. O mesmo foi atendido no local pelo médico do plantão e em seguida foi avaliado também por outros médicos e o superintendente médico do Huoc, Dr. Gustavo Trindade.

O paciente foi levado ao Hospital da Restauração pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Já foi atendido e passa bem, sem queixas, irá fazer exames de tomografia, rotina nessas situações, para descartar outras lesões.

De acordo com a direção do hospital, engenheiros já estão verificando as outras árvores e a Celpe também está no local. Além disso, o corpo de bombeiros foi acionado para a retirada da árvore e desobstrução da passagem.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias