ATO

''Você me abraça ou me mata'', questionam ativistas LGBTs no metrô do Recife

O dia 28 de junho é celebrado e lembrado mundialmente como o dia do orgulho LGBT

JC Online
JC Online
Publicado em 28/06/2017 às 12:30
Foto: Rafael Carneiro/Rádio Jornal
O dia 28 de junho é celebrado e lembrado mundialmente como o dia do orgulho LGBT - FOTO: Foto: Rafael Carneiro/Rádio Jornal
Leitura:

Em alusão ao Dia do Orgulho LGBT, sigla que identifica lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais, comemorado nesta quarta-feira (28), ativistas do Movimento Gay Leões do Norte foram até a estação central do metrô do Recife para questionar a população sobre o modo como elas encaram a diversidade. Indagando as pessoas com o lema "você me abraça ou me mata", o grupo chamou atenção para como a sociedade lida com o orgulho LGBT.

O dia 28 de junho é celebrado e lembrado mundialmente pois marca um episódio ocorrido em Nova Iorque, nos Estados Unidos,em 1969.

História

Naquele dia, as pessoas que frequentavam o bar Stonewall Inn, até hoje um local de frequência LGBT, reagiram a uma série de batidas policiais que eram realizadas ali. O levante contra a perseguição da polícia durou mais duas noites e, no ano seguinte, resultou na organização da 1° parada do orgulho LGBT, realizada no dia 1° de julho de 1970.

Como forma de garantir a manutenção do respeito e da convivência com as diferenças, desde então acontecem as paradas LGBTs ao redor do mundo. Na capital pernambucana, além da ação de hoje, a Parada da Diversidade de Pernambuco acontece no dia 17 de setembro.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias