Abastecimento de água

Compesa inicia testes na Adutora de Porto de Galinhas

Quando entrar em funcionamento total, adutora irá beneficiar cerca de 56 mil pessoas. Projeto custou mais de R$ 30 milhões

Da Editoria de Cidades
Da Editoria de Cidades
Publicado em 24/10/2017 às 11:27
Divulgação/Compesa
Quando entrar em funcionamento total, adutora irá beneficiar cerca de 56 mil pessoas. Projeto custou mais de R$ 30 milhões - FOTO: Divulgação/Compesa
Leitura:

O novo sistema adutor de abastecimento de água de Porto de Galinhas entrou em fase de testes pela Compesa. Quando entrar em funcionamento total, previsto para o início do próximo mês, o sistema irá beneficiar cerca de 56 mil pessoas da região de Porto de Galinhas e das Praias de Maracaípe e Muro Alto.

Para construir a primeira fase da adutora, foram necessários cerca de R$ 30 milhões, recursos provenientes do FGTS e da Caixa. A segunda fase do projeto, que ainda está em fase de captação de recursos, pretende ampliar o atendimento do sistema, se estendendo para localidades como Nossa Senhora do Ó, Serrambi e Toquinho.

Últimas notícias