Procura-se

Hospital procura familiares de mulher 'sem memória'

Segundo informações do Ulysses Pernambucano, a mulher se encontra na emergência desde o sábado (13), quando foi encontrada após pular da Ponte do Pina

Duda Lapenda
Duda Lapenda
Publicado em 15/01/2018 às 15:35
Foto: Assessoria Hospital Ulysses Pernambucano
Segundo informações do Ulysses Pernambucano, a mulher se encontra na emergência desde o sábado (13), quando foi encontrada após pular da Ponte do Pina - FOTO: Foto: Assessoria Hospital Ulysses Pernambucano
Leitura:

Desde o dia 13 de janeiro, uma mulher, identificada ela própria como ‘Ranira Monique Milanes Martins’, se encontra perdida na emergência do Hospital Psiquiátrico Ulysses Pernambucano, localizado na Tamarineira. Segundo informações da assessoria da instituição, a mulher possui um estado de saúde clinicamente bem, mas “mentalmente desorganizado”, não conseguindo informar o próprio endereço.

A mulher foi encontrada no sábado (13) pelo Corpo de Bombeiros dentro do rio, após pular da Ponte do Pina, sendo levada para o hospital pela equipe. Segundo a assessoria, ‘Ranira’ possui “um discurso confuso, diz que mora com sua avó e logo depois diz que mora com o pai”. À equipe do hospital, a mulher teria dito que sentiu um sinal no corpo que a obrigou a pular da ponte.

O Hospital entrou em contato com a equipe do Jornal do Commercio para divulgar o caso e tentar encontrar a família da paciente. Quem reconhecer a mulher ou souber de alguma informação, pode ligar para os números do hospital: (81) 3182-9912/ (81) 3182-9908/ (81) 3182-9919.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias