CHUVAS

Durante manhã de chuva, cinco árvores caem no Recife

A Emlurb foi ao local para a retirada das árvores; não houveram vítimas destes incidentes

Bianca Sousa
Bianca Sousa
Publicado em 19/01/2018 às 13:32
Foto: Jamesson José Alves, via @comuniqapp
A Emlurb foi ao local para a retirada das árvores; não houveram vítimas destes incidentes - FOTO: Foto: Jamesson José Alves, via @comuniqapp
Leitura:

Devido às chuvas na manhã desta sexta-feira (19), várias árvores e galhos caíram no Recife. Seis ocorrências foram registradas nas Zonas Norte, Central, Sul e Oeste do Recife, atingindo os bairros de Boa Viagem, Espinheiro, Boa Vista, Santo Amaro e Várzea, de acordo com a Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb). Nenhuma delas deixou vítimas.

Ainda segundo a Emlurb, cinco das seis árvores já foram retiradas. Foram elas: na Rua do Espinheiro, na esquina com a Rua 48, no bairro do Espinheiro; na Rua do Príncipe, no bairro da Boa Vista e na Rua José Paraíso, em Boa Viagem; no Parque Dona Lindu, também em Boa Viagem e um galho na Rua do Sossego, em Santo Amaro.

A única ocorrência ainda em andamento ocorre na Rua João Francisco Lisboa, na Várzea. A árvore interdita mais de uma faixa da via, mas não há fluxo intenso de veículos no local. Uma equipe da Emlurb foi acionada.

Previsão do tempo

A Região Metropolitana do Recife deve ter tempo nublado com possibilidade de chuva de intensidade entre fraca e moderada nesta sexta-feira (19). A temperatura deve variar entre 22°C e 31°C, de acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

No Agreste de Pernambuco, o tempo fica parcialmente nublado com pancadas de chuva no período da noite. A previsão é que a temperatura mínima seja de 19°C e a máxima de 33°C.

Para o Sertão, os técnicos da Apac preveem tempo nublado com pancadas de chuva. Os termômetros variam entre 20°C e 35°C.

Alerta de fortes chuvas

Chuvas moderadas a fortes foram previstas pela Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac), na quinta-feira (18). O alerta se estende até o sábado (20). A Defesa Civil orienta que os moradores de áreas de risco entrem em contato, caso haja necessidade, pelo número 0800 081 3400. A ligação é gratuita e o atendimento é 24h.

Nesta sexta-feira (19), a Região Metropolitana, Agreste Central e Setentrional sentiram o efeito das chuvas fortes. No entanto, a Apac informou que no sábado (20) o volume de água já deve ter diminuído.

Cidades afetadas pelas chuvas

A cidade de Tamandaré, no Litoral Sul, foi a localidade do estado mais afetada pelas chuvas. Entre as 9h da quinta-feira e 9h desta sexta, foi registrado um acúmulo de 87,72mm. Em segundo lugar ficou a cidade de Goiana, no Grande Recife, com precipitação de 81,4mm e chuva. Já o bairro da Várzea, da Zona Oeste da capital, acumulou 81,05mm, ficando em terceiro lugar onde mais choveu.

Na Zona da Mata, o bairro de Cocaú, em Rio Formoso, foi o mais afetado pelas chuvas. A Apac registrou um acúmulo de 68,43mm de água ao longo das 9h de quinta-feira e 9h da sexta. Gameleira, na Mata Sul, ficou em segundo lugar, registrando 57,9mm de chuva. Já Barreiros, que sofreu com fortes chuvas no último mês de maio, registrou 53,71mm.

No Agreste de Pernambuco, foi registrado uma média inferior a 30mm. O Sertão não registrou precipitação ao longo da quinta-feira.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias