Festa

Aniversário do Recife terá programação especial e Boi Voador

Para celebrar os 481 anos da capital pernambucana, Prefeitura do Recife realiza Espetáculo O do Boi Voador no domingo

Isabela Veríssimo
Isabela Veríssimo
Publicado em 08/03/2018 às 18:06
Foto: Divulgação
Para celebrar os 481 anos da capital pernambucana, Prefeitura do Recife realiza Espetáculo O do Boi Voador no domingo - FOTO: Foto: Divulgação
Leitura:

As comemorações dos 481 anos do Recife serão em dobro este ano. Para celebrar a data, a Prefeitura do Recife preparou dois dias de programação cultural no Recife Antigo, numa articulação entre as secretarias de Turismo, Esportes e Lazer, de Cultura e a Fundação de Cultura Cidade do Recife. A celebração começa no domingo (11), com o Recife Antigo de Coração Especial de Aniversário, que vai oferecer diversas atividades esportivas e culturais a partir das 8h, e às 18h, o Espetáculo O Boi Voador, que vai transformar a Avenida Rio Branco em um grande teatro ao ar livre. A festa continua na segunda-feira, com o tradicional corte de bolo, com direito a fogos e programação cultural.

A história do boi voador

Dirigida por José Pimentel e Ruy Aguiar, O Boi Voador evocará uma das mais pitorescas passagens históricas da capital pernambucana. O fato que será lembrado durante a encenação deu-se durante o período holandês, quando da inauguração da então Ponte do Recife, hoje conhecida como Ponte Maurício Nassau, obra custosa, que demorou para ficar pronta e consumiu até recursos pessoais de Nassau.

No dia da inauguração do aguardado monumento, 28 de fevereiro de 1644, o conde, de tão satisfeito, prometeu fazer um boi voar sobre a ponte. E, para a surpresa dos muitos presentes, que até pagaram para ver de perto tamanha proeza, ele cumpriu. Na hora marcada, o desajeitado ruminante alado, feito de couro empalhado, atravessou os céus da colônia, suspenso por cordas e movido por roldanas, levando o público às gargalhadas. Ninguém, no entanto, divertiu-se mais que o próprio Nassau, que apurou, já na inauguração da ponte, o generoso montante de 1.800 florins de pedágio.

Tendo o Boulevard Rio Branco como cenário, a Prefeitura do Recife reconta esse episódio no próximo domingo. A encenação começa às 18h e é uma releitura de trechos do Espetáculo Batalha dos Guararapes.

Serão, ao todo, seis cenas, que terão o casario histórico do Recife Antigo por cenário: duas no chão, caminhando pela rua, junto com o público; uma no palco, que será montado na frente da Associação Comercial; outra na sacada do Espaço Cultural Santander; e mais uma na esquina da Avenida Rio Branco com a Rua Dona Maria César, reproduzindo o encontro de Nassau com os pintores Frans Post e Ekaut. 

Outras programações no domingo

Ainda no domingo, a ciclofaixa funcionará nas ruas Bom Jesus e Barbosa Lima. Haverá ainda aluguel de patins e bikes, além de espaços para a prática de mini futebol, badminton, vôlei, skate e outros esportes. O showbol aparece como novidade nesta edição. É um tipo de futebol, onde a particularidade, é que a bola se mantém no jogo de forma quase permanente. O público contará ainda com Pólo Cervejeiro, Pólo Afro e shows no Marco Zero, que receberá o Maracatu Nação Cabinda Estrela, o Boi Faceiro e Bumba Meu Boi, o Caboclinho Tapuia Canindé, desfile dos bonecos gigantes com orquestra de frevo, além do Bloco Lírico Cordas e Retalhos.

Para os 481 anos da cidade, o letreiro será revitalizado. O nome Recife será grafitado por Vacilantes, Manoel Quitério, Raffa Mattos, Maria Filó, Mila Cavalcanti e Raoni, sendo cada letra uma homenagem a um ícone da cultura pernambucana.

Ainda no dia 11, a cultura pernambucana será celebrada do outro lado da cidade, com a entrega dos troféus dos vencedores do Concurso de Agremiações 2018. A solenidade será no Teatro Barreto Júnior, a partir das 15h.

Atividades da segunda-feira

Manhã

Na segunda-feira (12), as comemorações dos 481 anos do Recife começam logo cedinho. Às 6h, cinco cruzamentos da cidade receberão orquestra de frevo e personagens de nossa cultura popular, às 9h: a Av. Rui Barbosa (sinal do colégio São Luis), Av. Caxangá (sinal do Hospital Getúlio Vargas), Av. Norte (Sinal do Cemitério dos Ingleses), Av. Boa Viagem (sinal da Padaria Boa Viagem) e Av. Agamenon Magalhães.

Tarde

A partir das 15h, no Boulevard Rio Branco, desfilam os vencedores do Grupo Especial do Concurso de Agremiações do Carnaval 2018. Ao todo, irão se apresentar 33 agremiações: as primeiras, segundas e terceiras colocadas das categorias Troças Carnavalescas, Clubes de Frevo, Clubes de Boneco, Blocos de Pau e Corda, Maracatus de Baque Solto, Maracatus de Baque Virado, Caboclinhos, Tribos de Índios, Bois de Carnaval, Ursos (La Ursa) e Escolas de Samba.

Noite

A partir das 19h, no palco montado na esquina da Rua Dona Maria César com a Boulevard Rio Branco, a festa será comandada pela Família Salustiano, banda formada pelos filhos, netos e agregados do Mestre Salu, que irão celebrar o Recife com coco, ciranda, cavalo marinho, maracatu, frevo e todos os ritmos que fazem da capital pernambucana uma cidade especialista em festa. O Parabéns para Você não ficará de fora do repertório da festa, com direito a uma colorida queima de fogos no Marco Zero da cidade.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias