AÇÃO SOCIAL

Reeducandos preparam praia de Olinda para abertura de verão

30 reeducandos estão trabalhando na limpeza da Praia do Zé pequeno, em Olinda, local onde será realizado o II Maresia Festival Olindense de Surf

JC Online
JC Online
Publicado em 06/09/2018 às 16:49
Fotos: Ray Evllyn / SJDH
30 reeducandos estão trabalhando na limpeza da Praia do Zé pequeno, em Olinda, local onde será realizado o II Maresia Festival Olindense de Surf - FOTO: Fotos: Ray Evllyn / SJDH
Leitura:

Oficialmente ainda não é verão, mas quem mora em Pernambuco tradicionalmente já comemora a estação mais quente do ano neste feriadão da Independência. Para isso, 30 reeducandos estão trabalhando na limpeza da Praia do Zé pequeno, em Olinda, local que será realizado o II Maresia Festival Olindense de Surf. A ação marca a abertura de verão da cidade patrimônio e acontece neste sábado (8) e domingo (9). Os apenados cumprem pena no regime aberto e são beneficiados com um convênio que o Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), mantém com a Prefeitura de Olinda.

Depois de passar por entrevista, curso de formação e orientações jurídicas para serem contratados, os trabalhadores exercem uma jornada de sete horas e recebem um salário mínimo e passagem. Eles varrem, capinam e limpam toda orla e o calçadão. Todos os cumpridores são assistidos pelo Patronato Penitenciário, órgão vinculado à SJDH responsável por acompanhar os reeducandos que estão em regime aberto e livramento condicional.

Há dois anos, o reeducando Luciano José, 43, viu no trabalho, uma chance para mudar de vida “logo quando saí da penitenciária, dois anos atrás, ganhei a oportunidade de recomeçar longe do crime e me sentindo útil em um trabalho que posso garantir o sustento da minha família”, contou o apenado.

As parcerias que visam a empregabilidade dos egressos do sistema prisional têm o intuito de reinserir os ex-detentos à sociedade e ao mercado de trabalho, além de diminuir a reincidência criminal no estado. Atualmente os convênios garantem mais de 700 postos de trabalho. “Estamos investindo fortemente na política de repressão a violência atuando fortemente na prevenção da violência através da educação, oferecendo cursos profissionalizantes e palestras, e da empregabilidade. Acreditamos que esse é o caminho certo”, aponta o superintendente do Patronato Penitenciário, Josafá Reis.

II Maresia Festival Olindense de Surf 

O campeonato de surfe vai oferecer ao vencedor passagens para o Arquipélago de Fernando de Noronha, juntamente com prancha, kit de roupas e um troféu. Além da competição, o festival terá show acústico do cantor Clinge, da banda Raízes Curumim.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias