Título de venerável concedido a Frei Damião é celebrado em missa no Pina

Reconhecimento do Vaticano é considerado primeiro passo para alcançar a canonização

Lucas Moraes
Lucas Moraes
Publicado em 14/04/2019 às 18:36
Notícia
Foto: Felipe Jordão/JC Imagem
Reconhecimento do Vaticano é considerado primeiro passo para alcançar a canonização - FOTO: Foto: Felipe Jordão/JC Imagem
Leitura:

Assim como o domingo de ramos remete aos fiéis a simplicidade com a qual Jesus foi recebido ao chegar em Jerusálem, a data, no Recife, serviu de inspiração para celebração do título de venerável concedido pelo Vaticano a Frei Damião de Bozzano. Homem de cultura simples e com reconhecida história de atuação pelos nordestinos mais pobres, Frei Damião segue em processo de canonização após receber o título de venerável, precisando agora ter seus milagres reconhecidos pelo Vaticano para se tornar santo.

No Covento de São Félix, no bairro do Pina  (onde está sepultado o corpo do frei ), Dom Fernando Saburido presidiu a celebração da missa em ação de graças ao título concedido a Damião. Na ocasião, o arcebispo de Olinda e Recife lembrou que o outro religioso sempre foi um homem do bem e que acabará de dar um passo significativo em relação ao possível reconhecimento como santo. “Frei Damião foi um missionário doado, simples e teve presença no interior do Nordeste. Ele fez muito o bem, e por isso as pessoas têm muito carinho, porque ele nunca se preocupou consigo, mas em ajudar os irmãos e proclamar a palavra de Deus”, reforça.

Milagres

De acordo com o postulador da causa de Frei Damião, Frei Jociel, o próximo passo após o reconhecimento como venerável é a igreja aprovar pelo menos dois milagres por intercessão de frei Damião. Um após a morte (1997), para garantir o título de beato; e outro, após a beatificação.

“Temos alguns possíveis casos de milagre que documentamos, mas é mantido em sigilo como pede a igreja. Mas sempre solicitamos às pessoas que tenham alcançado alguma graça por intermédio de Frei Damião, que nos procure porque precisamos urgente desse relato, ainda ao longo do processo”, pede o frei.

No que depender dos devotos, no entanto, a canonização de Frei Damião é só uma questão de tempo. “Sou missionária no memorial de Frei Damião em Caruaru. Vim realmente em função da celebração ao título. O processo pode ainda demorar, mas para nós, frei Damião já é um santo”, conta a dona de casa Joelma Marinho, 47.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias