OBRA DE MARIA

Padre Fábio de Melo participa de evento beneficente para ajudar Moçambique

Os recursos arrecadados em dois jantares musicais, um nessa segunda-feira (29) e outro que acontecerá nesta (30), ajudarão as vítimas do ciclone Idai

JC Online
JC Online
Publicado em 30/04/2019 às 7:06
Notícia
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
FOTO: Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Leitura:

Com o objetivo de ajudar as vítimas do ciclone que devastou Moçambique em março deste ano, a comunidade católica Obra de Maria trouxe o padre Fábio de Melo para participar de dois jantares beneficentes no Recife, na segunda (29) e nesta terça-feira (30). Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe, a 963 quilômetros da capital Maputo.

No primeiro dos dois jantares beneficentes, nessa segunda-feira (29), em um restaurante localizado em Boa Viagem, Zona Sul do Recife, o padre cantou para uma plateia empolgada e destacou a importância de ser solidário.

"Estamos aqui para ajudar pessoas que hoje não têm o mínimo para a sobrevivência. É mais do que a gente fazer uma caridade, é a gente recordar que há sofrimento no mundo que nós podemos alcançar e transformar", disse.

A professora Ana Glória da Silva, 50 anos, participou do evento beneficente ao lado de duas amigas. "Me sinto realizada por ser uma ação importante para a Obra de Maria. É importante ajudar as pessoas, é válido", afirmou.

Para a edição desta terça-feira (30), as entradas, que foram vendidas a R$ 350, já estão esgotadas.

Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Toda a renda arrecadada será usada em ações para auxiliar moradores da cidade de Dombe - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem

 Ações em Moçambique 

No país africano, a Obra de Maria atua em dois internatos, um hospital, uma escola e uma creche, além de duas Fazendas da Esperança, locais em que acontecem atividades educacionais e religiosas voltadas à população em situação de vulnerabilidade social.

Ciclone Idai

Dados divulgados pelas autoridades africanas apontam mais de 800 mortes, incluindo 598 em Moçambique. Somados os 181 mortos que o Idai deixou no Zimbábue e os 59 no Malawi, segundo a ONU, o balanço total após a passagem do ciclone tropical pelo sudeste da África chega a 833. Há centenas de desaparecidos e autoridades estimam que a tragédia afetou a vida de mais de 2,6 milhões de pessoas.

Últimas notícias