MOTIVAÇÃO

'Minha filosofia de vida é salvar outras vidas', diz Débora Dantas, vítima de acidente com kart

A jovem sofreu um acidente em uma pista de kart no dia 12 de agosto

JC Online
JC Online
Publicado em 11/11/2019 às 18:43
Notícia
Foto: Reprodução/ Instagram
A jovem sofreu um acidente em uma pista de kart no dia 12 de agosto - FOTO: Foto: Reprodução/ Instagram
Leitura:

"Minha filosofia de vida é salvar outras vidas". Esse foi o trecho de uma publicação no Instagram da jovem Débora Dantas de Oliveira, 19, vítima de escalpelamento em kart no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, no dia 12 de agosto. Débora publicou, na tarde desta segunda-feira (11), uma foto em que aparece uma parte da sua cicatriz e uma legenda na qual demonstra que a jovem é uma pessoa muito positiva e de muita fé.

Débora usa o Instagram para compartilhar fotos e textos inspiradores. "A vida tende a complexos processos para entendê-la, e por mais explicada que seja, sempre há dúvidas. A questão é que sempre há o que aprender, o que se conquistar e todos têm um pedaço disso", diz um outro trecho da publicação. Sempre sorridente, Débora já declarou que não vai desistir dos seus sonhos. Um deles, é o de ser médica. A jovem, inclusive, fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), realizado nos dias 3 e 10 de novembro.

São Paulo

Após sofrer o acidente no dia 12 de agosto, Débora Dantas de Oliveira ficou internada no Hospital da Restauração, localizado na área central do Recife, mas precisou ser transferida para o Hospital Especializado de Ribeirão Preto, no estado de São Paulo. A transferência de Débora foi realizada no dia 18 de agosto. Ela retornou para mais de dois meses depois, no dia 29 de outubro.

"Voltar para cá (Recife) é muito emocionante", declarou Débora no Aeroporto Internacional dos Guararapes, Zona Sul do Recife. 

Relembre o caso

Débora Dantas de Oliveira, 19, foi escalpelada durante um acidente em uma pista de kart em Boa Viagem, Zona Sul do Recife, no dia 12 de agosto. O local, que funcionava no supermercado Walmart há um mês, foi interditado e não retomará as atividades.

A auxiliar de ensino infantil e o namorado, Eduardo Tumajan, pagaram R$ 50, cada, por 22 voltas na pista. No entanto, o acidente aconteceu na segunda volta. A jovem foi levada, após 30 minutos de espera por atendimento, para o Hospital da Restauração, área central do Recife, onde passou por cirurgia.

Já em Ribeirão Preto, no estado de São Paulo, Débora passou por mais cirurgias. Ela recebeu alta do hospital no dia 12 de outubro e chegou ao Recife no dia 29.

Últimas notícias