DOAÇÃO

Entenda como drones serão utilizados para monitorar áreas de risco em Pernambuco

O Governo de Pernambuco recebeu uma doação de dez drones nesta terça

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 03/12/2019 às 12:27
Notícia
Foto: Jailton Júnior/JC Imagem
O Governo de Pernambuco recebeu uma doação de dez drones nesta terça - FOTO: Foto: Jailton Júnior/JC Imagem
Leitura:

O Governo de Pernambuco recebeu, na manhã desta terça-feira (3), a doação de dez drones feita pelo Banco Itaú, em solenidade de ampliação da rede estadual de ensino de Pernambuco. Outros dez equipamentos ainda estão a caminho para equipar a Defesa Civil do Estado.

Segundo o Secretário Executivo da Defesa Civil de Pernambuco, André Ferraz, os aparelhos serão distribuídos em 15 municípios e ficarão à disposição das autoridades para o monitoramento de desastres, como as manchas de óleo que atingiram as praias do Nordeste e outros que acontecem frequentemente no Estado.

“Os drones vão ficar com a Coordenadoria de Defesa Civil (Codecipe), com a Secretaria Estadual Meio Ambiente, com a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) e com o Corpo de Bombeiros, e serão utilizados para monitorar, prevenir e emitir alertas caso haja novas manchas de óleo nas praias. Também será racionalizado para prevenir deslizamentos de terra, incêndios e enchentes”.

Capacidade

Os drones doados pelo Banco Itaú têm capacidade de voar até oito quilômetros de distância do operador, subir até seis quilômetros de altura e possuem uma autonomia de voo de 30 minutos. O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, acredita que os equipamentos serão benéficos para melhora dos serviços preventivos.

“Vai ser importante para monitorar todo o litoral e as áreas de riscos. É uma ação de parceria com grupos privados que será importante para a vigilância da Defesa Civil para preservar e evitar acidentes”, disse Paulo Câmara.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias