GALO DA MADRUGADA

Galo Gigante 2020 vence enquete do SJCC e é o favorito dos últimos anos do Carnaval do Recife

Pesquisa foi feita por meio de uma enquete criada pelo JC, que obteve cerca de cinco mil votos

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 26/02/2020 às 10:43
Foto: Artur Borba/JC Imagem
FOTO: Foto: Artur Borba/JC Imagem
Leitura:

O Galo Gigante de 2020 é eleito o favorito entre os símbolos do maior bloco de Carnaval do mundo dos últimos cinco anos. O levantamento foi constatado por meio de uma enquete criada pelo JC, com cerca de cinco mil votos. O resultado foi divulgado nesta quarta-feira (26).

» Seria o Galo gigante o maior símbolo do Recife? Vote em enquete

» Veja imagens do Galo Gigante 2020

» Às vésperas de subir, Galo Gigante mexe com tradição dos foliões e ganha elogios

Intitulada “Galo Circense de olho no futuro”, a obra foi idealizada pelo artista plástico pernambucano Leopoldo Nóbrega e executada por mais de cem pessoas. Crianças entre 3 e 12 anos ajudaram a colorir o Galo com o vinis que vestem a alegoria, participando de 20 oficinas de arte.

Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Imponente, Galo da Madrugada já está na rua saldando o Carnaval - Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Imponente, Galo da Madrugada já está na rua saldando o Carnaval - Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Imponente, Galo da Madrugada já está na rua saldando o Carnaval - Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
O Galo da Madrugada 2020 já está de pé na Ponte Duarte Coelho - Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Discos de vinil pintados pelas mãos de crianças compõem a "roupa" do Galo - Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Foto: Artur Borba/JC Imagem
Em 2020, a alegoria leva o nome de “Galo Circense de Olho no Futuro” - Foto: Artur Borba/JC Imagem
Foto: Artur Borba/JC Imagem
O corpo do gigante vai enfeitado de 38 placas de LED outdoor de alta resolução - Foto: Artur Borba/JC Imagem
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
O desfile tem início às 9h deste Sábado de Zé Pereira - Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
- Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem

Com 28 metros de altura e sete toneladas, o mascote carnavalesco veio ecofuturista, vestido com resíduos tecnológicos, e com luzes de LED como a principal atração.

Pódio

Em segundo lugar, ficou o Galo Gigante de 2016, do artista plástico Sávio Araújo. Sua crista representou o Maracatu Nação Porto Rico, a lança simbolizava o Clube Misto Pão Duro, e os óculos vão representaram o Maestro Forró e o cantor Chico Science.

O 'Galo Artesão', de 2019, obteve o terceiro lugar. Ele também foi criado por Leopoldo Nóbrega, e teve como diferencial o uso de resíduos do Polo de Confecção de Pernambuco em 50% da composição do seu figurino.

O penúltimo lugar do pódio foi reservado para o Galo de 2017. A escultura de 30 metros de altura e 15 toneladas foi grafitada pelo jornalista e grafiteiro Flávio Barra, que assumiu a responsabilidade depois da saída do artista plástico Sávio Araújo, que fazia o trabalho há sete carnavais. Cerca de 30 técnicos participaram da montagem.

O gigante de 2018, do designer Walther Homes, ficou em quinto lugar. De sombrinha em punho, o Galo foi recoberto por 700 penas de PVC, com direito a 15 inéditas estamparias e grafismos criados especialmente para a folia.

Últimas notícias