MELHORIAS

Seis terminais integrados do Grande Recife devem receber reformas estruturais ainda em 2020

As obras vão contemplar, principalmente, problemas nos banheiros, na iluminação, nos sistemas hidráulicos e na comunicação visual

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 03/03/2020 às 11:42
Notícia
Felipe Ribeiro/JC IMAGEM
Terminal da PE-15 recebe Operação T.I. Seguro - FOTO: Felipe Ribeiro/JC IMAGEM
Leitura:

A partir de abril, seis terminais integrados do Grande Recife devem receber reformas estruturais ainda em 2020. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (3) pelo Grande Recife Consórcio de Transporte, durante a Operação T.I. Seguro no Terminal da PE-15, em Olinda. Ao todo, a Região Metropolitana do Recife conta com 27 equipamentos.

» Operação de reforço policial em terminais integrados do Grande Recife chega ao T.I PE-15

» A transformação da mobilidade urbana nos próximos dez anos

» PM em terminais é uma das ações prometidas pelo governo de Pernambuco para compensar reajuste zero das passagens de ônibus

» Os sempre problemáticos terminais integrados

As obras vão contemplar, principalmente, problemas nos banheiros, na iluminação, nos sistemas hidráulicos e na comunicação visual, como avisos e placas de sinalização. Também haverá pintura das faixas de pedestre e reparos na pavimentação de alguns terminais, como o da Macaxeira.

A ação é integrada à Operação T.I. Seguro e, por isso, os primeiros terminais contemplados serão os da Macaxeira e da PE-15, escolhidos mediante estudo técnico. De acordo com o Grande Recife, novas pesquisas ainda são feitas para definir quais outros equipamentos devem ser reformados.

“É um projeto mais amplo que visa dar segurança ao usuário também na sua circulação, não só na segurança pública, com a presença da polícia, mas na segurança das pessoas no sentido de circular pelos terminais”, conta André Melibeu, diretor de operações do Grande Recife.

O porta-voz da empresa, que gere o sistema de transporte público de passageiros da Região Metropolitana do Recife, afirma que o processo licitatório já foi lançado e que a empresa responsável pelas obras deve ser contratada em abril, e que, a cada mês, um novo terminal receberá as mudanças.

“O processo licitatório já foi lançado e devemos estar contratando a empresa a partir de março. A partir de abril, a gente inicia, a cada mês, um terminal”, disse o diretor.

Operação T.I. Seguro

Mais uma etapa da Operação T.I. Seguro acontece na manhã desta terça-feira (3), dessa vez no Terminal Integrado PE-15, em Olinda, no Grande Recife. Cerca de 50 mil passageiros utilizam o equipamento diariamente e, por ele, circulam 150 ônibus, de 17 linhas, sendo seis do sistema BRT.

A iniciativa conjunta é do Grande Recife Consórcio de Transporte, Secretaria de Defesa Social, através das polícias Militar, Civil e Corpo de Bombeiros, além de outros órgãos, e teve início no Terminal Integrado da Macaxeira, na Zona Norte do Recife, em fevereiro de 2020. 

Segundo a Polícia Militar, a mobilização é o lançamento do convênio de cooperação técnica entre a SDS e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano, e prevê o trabalho de PMs voluntários que atuarão em suas folgas, combatendo a criminalidade, apoiando o respeito às filas e garantindo o direito de ir e vir de todos os usuários, contribuindo dessa forma para a paz social.

À corporação também cabe apoiar os órgãos responsáveis pelo ordenamento e apreensão de material destinado ao comércio informal, tanto na área externa como interna dos terminais. O que, de acordo com a PM, possibilitará a garantia da ordem e da integridade física dos agentes envolvidos, comerciantes e usuários do sistema.

Agentes de trânsito também estão a postos com intenção de melhorar a fluidez das vias, e o Serviço de Inteligência da Corporação realiza monitoramento constante da movimentação, acionando o efetivo para agir antes do surgimento de maiores problemas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias