MOBILIDADE

Último impasse para obra da Via Mangue é resolvido

Terreno do Aeroclube foi doado ao município do Recife. Cerca de 900 metros do traçado da Via Mangue passará pelo local

Diogo Menezes
Diogo Menezes
Publicado em 06/11/2013 às 8:05
Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem
Terreno do Aeroclube foi doado ao município do Recife. Cerca de 900 metros do traçado da Via Mangue passará pelo local - Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem
Leitura:

O último impasse para a viabilização da Via Mangue – corredor expresso que ligará o Centro do Recife à Zona Sul – foi resolvido ontem. A Assembleia Legislativa aprovou, em primeira discussão, o projeto de lei do Executivo de nº 1656/2013, autorizando o Estado a doar ao município a área de 418,2 mil metros quadrados onde funcionava o Aeroclube, na comunidade de Encanta Moça, no Pina. Um trecho de aproximadamente 900 metros do traçado da via passará pelo terreno.

“Sem essa área, seria impossível concluir a Via Mangue”, afirma o secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos do Recife, Nilton Mota. Segundo ele, a área – desapropriada pela Justiça em março – vinha sendo utilizada como canteiro de obras para uma via elevada, de cerca de dois quilômetros, que começa nesse terreno e termina nas imediações das Ruas Tenente João Cícero e Dona Maria Carolina, em Boa Viagem. “Hoje (ontem) já iniciamos a demolição dos galpões do aeroclube, garantindo a entrega da obra até abril, como planejado.”

A via elevada altera o traçado original, modificado para reduzir o impacto ambiental. Ela evitou o aterro de 52 mil metros quadrados de mangue. O custo também foi alterado de R$ 319 milhões para R$ 383,45 milhões. “Ainda deve haver aumento, pois vão surgindo intervenções que não estavam previstas”, registrou Mota, informando que 70% do projeto estão prontos, graças à implantação de um terceiro turno e aumento de funcionários em janeiro. “Em dezembro, esse percentual era de 38%, ou seja, fizemos em dez meses o que antes se fez em 20”, observou, referindo-se à gestão anterior, quando se previa conclusão do projeto para setembro passado.

Leia mais no JC desta quarta-feira (6)

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias