CRIME

Dois agricultores são presos por porte ilegal de armas em Limoreiro

Um deles ainda confessou ter matado um homem na última segunda-feira (23)

Aline Souza
Aline Souza
Publicado em 25/05/2011 às 12:16
Leitura:

A Polícia Militar prendeu dois agricultores, em Limoeiro, município da Zona da Mata Norte de Pernambuco, na terça-feira (24). Eles foram presos de posse de um arsenal de armas de fogo. Um deles confessou ser o autor de um homicídio.

José Luiz Tibúrcio Cavalcanti, 34 anos, e Raimundo da Silva, 24, foram detidos em suas casas, localizadas na Zona Rural da cidade.

Na casa de Raimundo foram encontradas seis espingardas caseiras do tipo soca-soca, cinco canos da arma, seis munições intactas do calibre 38, seis cartuchos calibre 20, duas caixas de espoletas e 300 gramas de pólvora, além de munições dos calibres 22 e 32.

Com José Luiz foram apreendidos um revólver calibre 38 e uma espingarda calibre 20. Ele ainda confessou ter matado um homem na última segunda-feira (23), por conta de uma desavença. Segundo a polícia, o acusado disse ter sido ameaçado de morte e executou o rapaz para não morrer.

Os dois foram autuados em flagrante na Delegacia de Limoeiro por porte ilegal de armas e em seguida encaminhados para o Presídio José Fernandes Salsa, no município.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias