jogos de azar

Polícia apreende 25 máquinas de caça-níquel no Estado

Operações foram no Centro do Recife e em Petrolina. No total, 10 pessoas foram detidas

Emídia Felipe
Emídia Felipe
Publicado em 04/08/2011 às 18:53
Leitura:

Vinte e duas máquinas de caça-níquel foram apreendidas por volta das 11h30 dessa quinta-feira (4), durante uma abordagem de policiais do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI) do 16º Batalhão da Polícia Militar.

Os equipamentos funcionavam em quatro casas de jogos do azar, sendo duas localizadas na Rua da Praia e outras próximo ao Mercado de São José, no Centro do Recife.

Oito pessoas responsáveis pelos estabelecimentos foram detidas. Elas foram encaminhadas à delegacia da Boa Vista, onde responderam a um Termo Circunstanciado de Ocorrências (TCO) e, em seguida, foram liberadas.

MAIS APREENSÕES - Já em Petrolina, no Sertão do Estado, três máquinas do mesmo tipo foram apreendidas num casa de jogos de azar, no centro, além de R$ 103, chaves dos equipamentos e dois cadernos de anotações. A operação da Polícia Civil foi deflagrada na quarta-feira (3) e ainda resultou na detenção de duas mulheres, Lucineide Medeiros da Silva, de 32 anos, e Luciana Medeiros da Silva, 26.

Em depoimento na delegacia da cidade, elas afirmaram que o dono do estabelecimento era um homem chamado João Borges, mas que não o conhecem. Ainda falaram que um mototaxista não identificado era responsável por recolher o apurado do dia sempre ao final da tarde. Ambas vão responderam a um Termo Circunstanciado de Ocorrências (TCO) e foram liberadas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias