Zona da Mata

Criança de 12 anos esfaqueia colega de 13 dentro de escola em Barreiros

Segundo informações da Escola Estadual Noronha Filho, o agressor já apresentava problemas comportamentais há um certo tempo

Davi Barboza
Davi Barboza
Publicado em 07/03/2012 às 11:30
Leitura:

Uma discussão entre dois menores às 10h dessa terça-feira (6) no corredor da Escola Estadual Noronha Filho, em Barreiros, Zona da Mata Sul de Pernambuco, terminou em briga e, posteriomente, numa agressão à faca.

Segundo depoimentos da gestora do colégio e da Polícia Militar (PM) - recolhidos na Delegacia de Barreiros -, a confusão iniciou-se quando o sino da Escola anunciou a hora da refeição. Neste momento, a criança que recebeu a facada, 13 anos, estava no corredor, em frente à sala do agressor, 12, afirmando que não haveria merenda no dia. A partir daí, uma discussão começou, pois o mais novo disse que o mais velho não sabia de nada.

Os funcionários da Escola interromperam a briga e, quando estavam encaminhando o menor de 13 para a coordenação, o menor de 12 foi até sua bolsa, pegou uma faquinha e atingiu o colega nas costas. Para felicidade da vítima, a faca atingiu o osso omoplata e, portanto, não chegou a machucá-lo gravemente.

Após o ocorrido, a diretora da Escola chamou a PM e o Conselho Tutelar. Agentes da Delegacia de Barreiros falaram com o menor de 12 e sua família, em um procedimento chamado de "especial", e depois foram liberados. Segundo informações da Escola, o garoto agressor já apresentava problemas comportamentais há um certo tempo e está recebendo acompanhamento de uma psicóloga do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

No que diz respeito às medidas de coibição da violência na instituição educacional, a Secretaria de Eduação  informa que, nesta quarta-feira (07), a coordenadora do Programa Escola Legal entrou em contato com a gestora da unidade e, juntamente com a comunidade escolar, buscarão formas especializadas (palestras e Patrulha Escolar) para orientação e enfrentamento da violência, do bullying, do uso e do tráfico de drogas no ambiente educacional.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias