Polícia Civil

Três acusados de assalto a casa de câmbio em Piedade são considerados de alta periculosidade

De acordo com as investigações da polícia, os bandidos cometeram mais de três roubos em menos de uma semama

Do Ne10
Do Ne10
Publicado em 25/10/2012 às 11:37
Foto: Polícia Civil / Divulgação
De acordo com as investigações da polícia, os bandidos cometeram mais de três roubos em menos de uma semama - FOTO: Foto: Polícia Civil / Divulgação
Leitura:

A Polícia Civil considera três dos quatro acusados de assaltar uma casa de câmbio na Avenida Bernardo Vieira de Melo, em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, nessa quarta-feira (24), de alta periculosidade. De acordo com as investigações, em uma semana, eles cometeram mais de três roubos.

A casa de câmbio foi assaltada por volta das 9h30 por  três homens. Os acusados Edson Pereira da Silva, conhecido como brasa; Itamar Belarmino do Monte, o Neguinho; e Jailson José de Santana, Sopa, foram presos minutos depois do crime, sem resistir à ação da polícia. Os três têm antecedentes criminais e penas que, somadas, passam de 20 anos de reclusão. O grupo já era investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos.

Imagens do circuito interno de segurança mostram o momento em que "Sopa" coloca a arma na boca de uma das vítimas e a ameaça de morte. Dois revólveres calibre 38 e 12 munições foram apreendidos com o trio. O dinheiro roubado do estabelecimento (R$ 7.479,90; US$ 3.455 e 2.500 euros) também foi recuperado.

Mesmo com três presos, ainda restava um suspeito, que fugiu em um Honda Civic e abandonou o veículo pouco depois, na Igrejinha de Piedade. Danilo Cavalcanti Dantas, conhecido como Coroa, foi preso horas depois.

As investigações prévias da polícia apontaram que o grupo foi responsável por assaltos ao bar Aconchego do Matuto, no Centro do Recife e à Norconsult Projetos, no bairro da Tamarineira, na Zona Norte, nas últimas semanas. Também na Zona Norte, eles são acusados de roubar o Honda Civic usado no assalto dessa quinta.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias