Morte

Cabo da Polícia Militar é assassinado na Várzea

DHPP está responsável pelas investigações, mas ainda não tem informações sobre o motivo e a autoria do crime

Marina Barbosa
Marina Barbosa
Publicado em 03/03/2013 às 10:02
Leitura:

Um cabo da Polícia Militar foi assassinado no UR-07, bairro da Várzea, Zona Oeste do Recife, na tarde desse sábado (02). Joselito Pereira da Silva, de 49 anos, foi morto a tiros por volta das 17h, na avenida Porto Seguro, nas proximidades da barraca de Dona Cristina.

Joselito foi assassinado por um homem de identidade desconhecida que fugiu numa moto. A vítima teria sido atingida por cinco disparos. Ele não morava na Várzea, mas costumava frequentar a comunidade porque seus pais moram lá.

A ex-esposa e as filhas do cabo também moram na Várzea, mas dizem que mantinham pouco contato com Joselito. Ele era separado há mais de 20 anos e tem 2 filhas. Segundo moradores do bairro, há alguns anos a vítima tornou-se homossexual. Atualmente, mantinha relações com alguns jovens da comunidade.

O delegado Josedite Ferreira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), está investigando o caso mas ainda não tem informações sobre o motivo do crime. Há suspeitas de que o cabo tinha envolvimento com o tráfico de drogas, mas a Polícia também não descarta a possibilidade de Joselito ter sido assassinado pela sua conduta sexual.

Ainda não há informações sobre a identidade do responsável pelo crime, mas o suspeito está sendo procurado pela Polícia. Joselito estava lotado no 16º Batalhão da Polícia Militar. Seu velório foi realizado no cemitério da Várzea na tarde deste domingo.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias