polícia civil

Durante greve da PM, 234 pessoas são detidas no Grande Recife

Autuações ocorreram por furtos, roubos, perturbação do sossego, porte ilegal de arma de fogo e dano qualificado

Do JC Online
Cadastrado por
Do JC Online
Publicado em 15/05/2014 às 22:34
Foto: Igo Bione/JC Imagem
Autuações ocorreram por furtos, roubos, perturbação do sossego, porte ilegal de arma de fogo e dano qualificado - FOTO: Foto: Igo Bione/JC Imagem
Leitura:

A greve dos bombeiros e policiais militares, encerrada na noite desta quinta-feira, após três dias, terminou com a detenção de 234 pessoas pela Polícia Civil na Região Metropolitana do Recife. Dessas, 102 foram autuadas em flagrante por furtos, roubos, perturbação do sossego, porte ilegal de arma de fogo e dano qualificado.

As prisões foram realizadas pela Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core) e todas as unidades especializadas, além das delegacias da Polícia Civil. Ao todo, foram empregados 180 policiais e 59 viaturas desde a noite dessa quarta-feira.

A Polícia Civil de Pernambuco informou que contou também com a Companhia Independente de Operações na Área de Caatinga (Ciosac), da Polícia Militar, e da Polícia Rodoviária Federal.

Últimas notícias