Desmatamento

Quadrilha é presa destruindo Mata Atlântica para vender fogueiras

Homens foram presos em flagrante e afirmaram que madeira da Mata Atlântica serviria para comercialização de fogueiras no Recife

JC Online
JC Online
Publicado em 22/06/2017 às 10:25
Divulgação/CIPOMA
Homens foram presos em flagrante e afirmaram que madeira da Mata Atlântica serviria para comercialização de fogueiras no Recife - FOTO: Divulgação/CIPOMA
Leitura:

Uma quadrilha foi presa em flagrante na tarde dessa quarta-feira (21) por policiais da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente (CIPOMA), em Igarassu, na Região Metropolitana do Recife. Os quatro homens são suspeitos de desmatamento ilegal de fragmento da Mata Atlântica, cuja madeira seria comercializada para fogueiras de São João.

Com a quadrilha foram encontrados dois caminhões carregados de madeira nativa e uma motosserra. Eles foram levados para a Delegacia de Plantão e assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência, pois foram enquadrados na Lei de Crimes Ambientais. Eles responderão criminalmente e deverão pagar multa entre R$ 5 mil e R$ 7 mil, mas estão em liberdade.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias