Boticário

Loja de perfumaria é assaltada em Olinda e câmeras flagram ação

Os assaltantes levaram cerca de R$ 5 mil em produtos e fugiram a pé após o crime na perfumaria

JC Online
JC Online
Publicado em 29/08/2017 às 20:42
Foto: reprodução Google Maps
Os assaltantes levaram cerca de R$ 5 mil em produtos e fugiram a pé após o crime na perfumaria - FOTO: Foto: reprodução Google Maps
Leitura:

Uma das lojas do Boticário localizada na Avenida Getúlio Vargas, em Bairro Novo, em Olinda, foi alvo de assalto na tarde desta terça-feira (29). O crime aconteceu por volta das 15h40 na unidade que fica na galeria Santa Lucia, em frente à Caixa Econômica Federal. Na investida, dois homens entraram na loja, sendo um armado com um revólver 38, e anunciaram o assalto.

De acordo com um funcionário da loja, que prefere não ser identificado, os homens levaram cerca de R$ 5 mil em produtos, mas não roubaram dinheiros ou pertences dos funcionários e clientes que estavam sendo atendidos. Também não houve violência física contra as vítimas. A dupla, um homem de camisa vermelha armado, e outro de camisa azul e mochila, fugiram a pé.

Imagens de segurança da loja foram divulgadas com o objetivo de encontrar os suspeitos. Os responsáveis pela unidade procuraram a Delegacia de Rio Doce, que atende a região, para prestar queixa do ocorrido, mas encontraram o local fechado. Uma nova tentativa será feita na manhã desta quarta-feira (30). Além disso, os representantes da unidade já garantiram que devem reforçar a segurança no local.

Insegurança em Bairro Novo

A loja do Boticário assaltada nesta terça em Bairro Novo está instalada no local há cerca de 20 anos. O local já foi alvo de assaltos em outros tempos, mas a insegurança está mais constante na rotina dos funcionários. Além de já ter sido alvo de outras investidas criminosas este ano, a mesma loja já foi arrombada três vezes somente na semana passada (de 21 a 26 de agosto). "Os bandidos jogaram paralelepípedos para quebrar a porta de vidro e roubar, mas o alarme disparou e eles fugiram sem levar nada. Muitos comerciantes estão relatando assaltos e outras situações inseguras na região", relata o funcionário da loja de perfumaria de cosméticos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias