FRAUDE

Trio é preso por tentar fraudar o Bolsa Família em Jupi

A polícia acredita que os suspeitos vinham cometendo a fraude há um bom tempo

JC Online
JC Online
Publicado em 06/12/2017 às 15:32
Foto: Blog Agreste Violento
A polícia acredita que os suspeitos vinham cometendo a fraude há um bom tempo - FOTO: Foto: Blog Agreste Violento
Leitura:

Três pessoas foram presas em Jupi, no Agreste de Pernambuco, suspeitas de usar documentos falsos para abrir contas em casas lotéricas para dar entrada no benefício social do Bolsa Família. Jaciane Barbalho Monteiro, de 19 anos, a mãe dela, Ana Maria Barbalho, de 56, e Marcos Antonio Ventura dos Santos, de 37, foram autuados por uso de documentos falsos e associação criminosa.

De acordo com a Polícia Civil, o caso ocorreu nessa terça-feira (5). Uma atendente da casa lotérica desconfiou da documentação apresentada por uma das mulheres e acionou a polícia. Ao chegar no local, os agentes revistaram o veículo que o trio estava e encontraram documentos falsificados, vários termos de abertura de conta e comprovantes de residência. A polícia acredita que eles vinham cometendo a fraude há um bom tempo, inclusive em outras cidades da região.

Os três suspeitos passam por audiência de custódia nesta quarta-feira (6).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias