EXPLOSÃO

Grupo explode agência do Bradesco de Santa Filomena, no Sertão

Antes de fugir, os homens atiram nos pneus da viatura da PM, que fica na mesma rua do banco

Elaine Santana
Elaine Santana
Publicado em 09/01/2018 às 6:27
Foto: Cortesia
Antes de fugir, os homens atiram nos pneus da viatura da PM, que fica na mesma rua do banco - FOTO: Foto: Cortesia
Leitura:

Uma agência do Bradesco foi alvo de explosão na cidade de Santa Filomena, no Sertão de Pernambuco. A investida criminosa aconteceu por volta das 22h dessa segunda-feira (8). Em Mirandiba, também no Sertão, outra agência do Bradesco foi explodida.

De acordo com a Polícia Militar, sete homens fortemente armados com fuzis chegaram em uma picape. Próximo à Praça Matriz, eles fizeram de reféns cinco homens que trabalhavam no centro da cidade, pois alguns estabelecimentos comerciais estavam abertos no momento da abordagem.

Ao chegar à Rua João Coelho Cruz, o grupo usou dinamites para ter acesso ao banco e explodir os caixas eletrônicos. Segundo testemunhas, quatro grandes explosões foram ouvidas. A agência ficou destruída. Além disso, o grupo efetuou vários disparos na cidade, atingindo na perna uma mulher que passava pelo local. A vítima foi encaminhada para uma unidade de saúde, mas não foram divulgadas informações sobre seu estado. 

O destacamento da PM fica na mesma rua da agência, no entanto, os bandidos furaram os pneus da viatura para evitar perseguição. Dois policiais que estavam de plantão ficaram encurralados.

Após a ação, que teria durado cerca de vinte minutos, o grupo liberou os reféns e fugiu pela PE-360. Ainda não se sabe a quantia roubada.

Mirandiba

Outra agência do Bradesco foi explodida no Sertão de Pernambuco. Em Mirandiba, a ação aconteceu por volta das 23h e teve participação de aproximadamente 12 homens. Eles estavam em dois veículos: uma caminhonete branca e um carro preto, não identificado.

Os suspeitos colocaram explosivos na agência e detonaram os aparatos. Logo após, fugiram. A polícia recebeu informações de que os caixas estourados não tinham dinheiro. A identidade dos homens envolvidos na ação ainda é desconhecida. 

Segundo a PM, o grupo também teria tentado explodir o Banco do Brasil da cidade, mas não conseguiu. Dinamites foram encontradas no local.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias