Policial morto

Cabo da polícia é morto com tiro na cabeça em Itapissuma

O cabo e mais três policiais foram atender a uma ocorrência em Itapissuma quando foram recebidos a balas e um dos tiros disparados atingiu a cabeça da vítima.

Jennifer Thalis
Jennifer Thalis
Publicado em 29/01/2018 às 0:14
Foto: Reprodução
O cabo e mais três policiais foram atender a uma ocorrência em Itapissuma quando foram recebidos a balas e um dos tiros disparados atingiu a cabeça da vítima. - FOTO: Foto: Reprodução
Leitura:

Um cabo do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM) foi morto por bandidos com um tiro na cabeça na noite deste domingo (28) no bairro de Cidade da Criança, em Itapissuma.

De acordo com a Polícia Militar, Valmir Valdecir dos Santos, 41 anos, foi informado de uma tentativa de homicídio no bairro da Cidade da Criança, em Itapissuma. O cabo se dirigiu ao local juntamente com mais três policiais em duas viaturas.

Ao chegarem no local, os PMs foram recebidos a balas e um dos disparos atingiu a cabeça da vítima.

Walmir foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Igarassu e em seguida transferido para o Hospital Miguel Arrais e, logo depois, para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, Região Central do Recife, onde o cabo veio à óbito. 

Suspeito detido

O suspeito do crime, Klebson Ferreira Lemos, de 32 anos, conhecido como 'Kiko", foi detido por policiais militares em Itapissuma e levado para o Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP). O suspeito será autuado pelo homicídio do policial militar e por uma tentativa de homicídio cometida na comunidade. O delegado seccional de Paulista Adyr Almeida está responsável sobre o caso.

A Polícia Militar De Pernambuco divulgou uma nota de pesar sobre o caso. Confira a nota na íntegra:

É com profundo pesar que a Polícia Militar de Pernambuco informa o falecimento do CB PM Valmir Valdeci dos Santos, de 41 anos, lotado no 17° Batalhão, no qual fazia parte do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI), na noite de ontem (28). O policial estava em uma ocorrência no município de Itapissuma quando foi surpreendido pelo bandido no momento em que realizava rondas pelo local e foi vítima de um disparo de arma de fogo na região da testa. O PM foi imediatamente socorrido para a UPA de Igarassu e posteriormente transferido para o Hospital Miguel Arraes. De lá a equipe médica chegou a transferi-lo para o Hospital da Restauração mas, após duas paradas cardíacas, o CB Valdeci não resistiu e veio a óbito. O Comandante Geral, coronel Vanildo Maranhão, em nome de toda a Corporação, externa as condolências a todos os amigos e familiares do CB PM Valdeci, há 12 anos na Corporação, tombado no estrito cumprimento do dever legal. O policial deixa esposa e dois filhos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias