CÂMERA DE SEGURANÇA

Vídeo mostra momento em que administradora é assassinada no Cordeiro

As imagens serão usadas pela equipe de investigação da Polícia Civil, que apura a motivação e o autor do crime

JC Online
JC Online
Publicado em 23/07/2018 às 16:01
Foto: Reprodução/Câmera de Segurança
As imagens serão usadas pela equipe de investigação da Polícia Civil, que apura a motivação e o autor do crime - FOTO: Foto: Reprodução/Câmera de Segurança
Leitura:

Câmeras de segurança registraram o momento em que a administradora é assassinada a tiros, enquanto ia visitar parentes, no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste do Recife. As imagens mostram Ana Karina Chagas Batista Silva, de 36 anos, estacionando o carro, na frente da casa dos pais, quando foi surpreendida pelos disparos.

Os suspeitos, que estavam dentro do carro de modelo HB20, entram na rua com o veículo e param em frente ao carro onde está a vítima. O vídeo mostra quando um homem desce do banco de trás do veículo suspeito e aponta a arma para Ana Karina. Ela ainda tenta sair do local com o carro, mas o homem atira pelo para-brisa em direção a mulher, que não consegue mais fugir.

De acordo com testemunhas, os suspeitos passaram a parte da manhã dentro do carro de vidros escuros, estacionado no final da rua. Só quando a administradora chegou quase em frente à casa dos pais, o suspeito resolveu praticar o crime. Os moradores chegaram a sair de casa ao ouvirem os disparos, para saber o que tinha acontecido.

Enterro

Ana Karina chegou a ser levada para o Hospital da Restauração, mas morreu na noite do sábado (21). O corpo foi enterrado na tarde do domingo (22), no Cemitério Parque das Flores, no bairro do Curado, na Zona Oeste do Recife.

Investigação

A motivação e autoria ainda são desconhecidas. O delegado Paulo Dias, da 2ª Delegacia de Homicídios da Capital, iniciou as investigações. As imagens das câmeras de segurança da Rua Tejipió, onde aconteceu o crime, deverão ser usadas pela equipe da polícia.

De acordo com a corporação, Ana Karina era casada há cinco anos e não tinha filhos. A morte da administradora deixou todos os que conheciam a família chocados, pois nunca havia acontecido nenhum crime com algum deles.

Relembre o caso

A auxiliar de almoxarifado Ana Karina Chagas Batista Silva, 36 anos, morreu no Hospital da Restauração, após ser atingida por quatro tiros na cabeça, tórax e nos braços, na tarde do sábado (21), no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife.

Ela teria sido abordada por volta das 13h, quando estacionava o carro na Rua Tejipió, em frente ao prédio onde seus pais moravam. Dois homens suspeitos já estariam na rua, em outro carro, aguardando pela auxiliar de almoxarifado.

Após ser atingida, Ana Karina foi levada ao Hospital Getúlio Vargas, no Cordeiro. Depois, seguiu para o Hospital da Restauração, no Derby, área central do Recife.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias