Sertão de Pernambuco

Suspeitos são mortos em ação da PM contra roubo de avião de transporte de valores em Salgueiro

A quadrilha é suspeita de executar dois policiais militares, assaltar uma agência do Banco do Brasil e carros-fortes na Bahia e em Petrolina

Marina Costa
Marina Costa
Publicado em 26/09/2018 às 11:43
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
FOTO: Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Leitura:

Seis homens morreram e um ficou ferido após um confronto com as polícias Federal e Militar da Bahia e de Pernambuco, na manhã desta quarta-feira (26), em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. De acordo com o major da PM-BA, Wildon Teixeira dos Reis, o grupo foi interceptado ao tentar roubar um avião que faz transportes de valores, no aeroporto do município. 

Por meio de nota, a Polícia Federal detalhou a ação, que teve início no momento da aterrissagem, quando os assaltantes invadiram a pista do aeroporto e abordaram os vigilantes dos carros-fortes que transportariam o dinheiro. "Eles também dispararam contra o avião, ferindo o piloto e obrigando-o a parar", relata a corporação. O piloto foi socorrido e, conforme informações do hospital, está em condições estáveis.

Além dos integrantes da quadrilha que acabaram mortos, outros quatro foram presos após intensa perseguição policial, segundo a PF. 

Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
- Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Suspeitos são mortos em ação da PM contra roubo de avião de transporte de valores em Salgueiro - Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
- Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
- Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
- Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina
- Marco Aurélio/Rádio Jornal Petrolina

De acordo com informações repassadas à Rádio Jornal Petrolina, os mortos foram identificados como Francieldo do Nascimento Silva, 47 anos, Cláudio Aprígio da Silva Neto, 46, Alex Gonçalves dos Santos, 37, Galdioso Moura da Silva, 47, Renato Vieira dos Santos, 51, e Rafael Rodrigues Pereira, 36. Martins Simão dos Santos, 48, ficou ferido.

Ainda segundo informações obtidas pela Rádio Jornal, alguns integrantes da quadrilha mantinham negócios em fazendas exportadoras de frutas no Vale do São Francisco para justificar enriquecimento ilícito.

Perseguição

Segundo o Chefe de Comunicação da Polícia Federal em Pernambuco, Giovani Santoro, ao chegar no Aeroporto de Salgueiro, os policiais foram recebidos a tiros e revidaram. "Parte da quadrilha foi desarticulada e outra parte, que está em uma caminhonete prata, está sendo perseguida pela polícia militar", afirmou.

Com eles, foram apreendidos seis fuzis AK 47, além de uma metralhadora .50.

Outro veículo, com uma quantidade de integrantes da quadrilha ainda não especificada, conseguiu fugir. "Estão sendo realizadas buscas na região, com o apoio da Polícia Militar, para localização e prisão desses assaltantes", informa a PF. 

Investigação

De acordo com a PM, as investigações sobre a quadrilha foram iniciadas há três anos. Devido ao monitoramento, foi possível descobrir a intenção do assalto e o efetivo conseguiu impedir a ação dos assaltantes. O grupo também é suspeito de participar da execução de dois policiais militares no município de Bom Jesus da Lapa, além de um assalto à agência do Banco do Brasil, no município de Jacobina, além de assaltos a cinco carros-fortes em Juazeiro, na Bahia e em Petrolina, também no Sertão de Pernambuco.   

"Essa era a principal quadrilha especializada em assaltos a bancos e carros-fortes da região, e já vinha sendo investigada pela Polícia Federal há mais de um ano. Nenhum valor foi subtraído", ressalta a assessoria da Polícia Federal. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias