Operação Delivery

Polícia Civil devolve mais de 300 celulares roubados

A maioria dos donos dos celulares foram localizados pelo programa 'Alerta Celular', da Secretaria de Defesa Social (SDS)

JC Online
JC Online
Publicado em 28/09/2018 às 11:38
Foto: Agência Brasil
A maioria dos donos dos celulares foram localizados pelo programa 'Alerta Celular', da Secretaria de Defesa Social (SDS) - FOTO: Foto: Agência Brasil
Leitura:

A Polícia Civil está realizando na manhã desta sexta-feira (28) a devolução de 324 aparelhos de telefones que foram roubados e furtados na Região Metropolitana do Recife. As entregas estão sendo realizadas pela Operação ‘Delivery’, na Sede Operacional da Polícia Civil, na Rua da Aurora, no bairro de Santo Amaro, na área central do Recife.  

De acordo com as informações, os aparelhos foram recuperados em ações dos policiais e estavam distribuídos em todas as delegacias do Grande Recife. Os suspeitos que foram abordados com celulares roubados podem ser indiciados por roubo ou receptação de objeto roubado. 

Os donos dos celulares foram localizados através do cadastro do programa Alerta Celular, da Secretaria de Defesa Social (SDS), que foi lançado em 2017 e pela parceria com as operadoras de telefonia. 

“É importante que a população acredite no trabalho da polícia e cadastre o seu telefone no programa", afirmou Joselito Amaral, chefe da Polícia Civil. “Essa é uma pequena mostra da quantidade de aparelhos celulares que estão hoje nos cartórios da delegacia, recuperados através de um intenso trabalho investigativo”, contou.  

O Chefe da Polícia Civil reforçou a importância de procurar a delegacia em caso de assalto, mesmo que os aparelhos não estejam cadastrados no programa. As entregas estão sendo efetuadas, durante todo o dia, nas Delegacias Seccionais de: Apipucos, Boa Viagem, Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho, Espinheiro, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista e Santo Amaro.  

Programa Alerta Celular 

Segundo dados divulgados pela SDS, o roubo de aparelhos celulares diminuiu 40% em 2018. Ao total, foram registradas 24.852 ocorrências entre os meses de janeiro a agosto, enquanto no mesmo período em 2017, foram notificados 34.681 casos.  

“Não tenho dúvida que a junção do programa Alerta Celular e o trabalho investigativo seja responsável pela redução dos crimes contra o patrimônio”, finalizou Joselito Amaral. 

Como se cadastrar? 

O cadastro do IMEI do seu celular deve ser feito antes de qualquer ocorrência no site da SDS (www.sds.pe.gov.br), no campo ‘Alerta Celular’. O celular será entregue a vítima do roubo ou furto após receber um e-mail da pasta ou uma ligação da Polícia Civil sobre a recuperação do aparelho.  

O que é IMEI? 

O IMEI do celular é um número de identificação do aparelho e cada um tem um número exclusivo, assim como chassi dos veículos. Para descobrir o IMEI do celular basta digitar: *#06# e o número irá aparecer na tela. Em seguida, é só cadastrar o número no site da SDS.   

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias