Violência

Casal suspeito de matar homem com 61 facadas é preso em Jardim São Paulo

De acordo com a polícia, os dois seriam amantes e suspeitos de matarem com 61 facadas o marido da mulher

Jennifer Thalis
Jennifer Thalis
Publicado em 09/11/2018 às 22:07
Foto: Arquivo / JC
De acordo com a polícia, os dois seriam amantes e suspeitos de matarem com 61 facadas o marido da mulher - FOTO: Foto: Arquivo / JC
Leitura:

Um homem e uma mulher que, segundo a polícia, mantinham um relacionamento extraconjugal, tiveram a prisão decretada nesta sexta-feira (9), suspeitos de matar o ex-marido dela, no bairro de Jardim São Paulo, Zona Oeste do Recife. De acordo com a polícia, os dois desferido 61 facadas contra a vítima. O crime aconteceu ano passado.

Segundo a polícia, Marcos André Herculano de Souza, de 36 anos, e Maria Cristina da Silva, de 40, são suspeitos de cometerem um homicídio triplamente qualificado em janeiro de 2017. A vítima foi o ex-marido de Maria Cristina, identificado como Erinaldo Gerônimo Régis, morto com 61 facadas.

O delegado Erivaldo Guerra, responsável pelas investigações, explicou que Maria Cristina e Marcos André tinham um caso e, após o fim da relação dela com Erinaldo, continuaram juntos. No entanto, o ex-companheiro de Maria Cristina insistia em reatar o relacionamento e ameaçava a mulher. Por este motivo, ela e o amante teriam matado o homem. “A gente tem provas de que Marcos André e Cristina se encontram num motel e planejaram essa morte”, disse.

Prisão

Maria Cristina foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, no bairro de Engenho do Meio, na Zona Oeste do Recife. Marcos não confessou que praticou o crime, mas a polícia afirma que tem provas contra ele. Ele foi encaminhado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everaldo Luna (Cotel), de Abreu e Lima, no Grande Recife.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias