violência

Polícia prende quatro acusados de abusar e matar deficiente mental em Caruaru

Os agressores confessaram a autoria do crime

Artur Portela
Artur Portela
Publicado em 06/11/2013 às 21:00
Leitura:

Policiais civis da 90ª Delegacia de Caruaru apresentaram nessa terça-feira (5), quatros suspeitos de agredir, violentar e matar um deficiente mental no último sábado (02), no Sítio Murici, Zona rural de Caruaru. De acordo com a polícia, Ivanildo Batista da Silva, de 36 anos, foi abordado pelos agressores enquanto caminhava pelas ruas da capital do Agreste. 

Alexsandro da Silva Santos, o "Pepe", de 19 anos, Maciel Tavares da Silva, de 18, conhecido por "Carito", Valmir da Silva Santos, o "Beiçola", de 22 anos, e um adolescente de 14 anos confessaram a autoria do crime. Ainda segundo a polícia, o próprio grupo de agressores alegou que eles estavam bebendo quando a vítima estava passando pelo local. Os acusados abordaram e, em seguida, espancaram e violentaram sexualmente Ivanildo. A vítima foi levada para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, mas morreu na segunda-feira (4), devido a gravidade dos ferimentos.

Os acusados maiores de idade foram levados para o Presídio Juiz Plácido de Souza, na cidade de Caruaru, já o adolescente foi encaminhado para a Funase, unidade de Caruaru.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias