Mobilização

Médicos de Pernambuco participam de ato contra ministro da Saúde

O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) convoca a categoria para o ato, com concentração a partir das 16h, no Cremepe, localizado no bairro do Espinheiro

JC Online
JC Online
Publicado em 03/08/2017 às 11:51
Foto: reprodução/Facebook
O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) convoca a categoria para o ato, com concentração a partir das 16h, no Cremepe, localizado no bairro do Espinheiro - FOTO: Foto: reprodução/Facebook
Leitura:

Uma mobilização nacional de médicos contra o ministro da Saúde Ricardo Barros acontece nesta quinta-feira (3) e cobra, dentre outras demandas, melhorias trabalhistas e de orçamento destinado à saúde. Em Pernambuco, o ato acontece na sede do Conselho Regional de Medicina (Cremepe), localizado no bairro do Espinheiro, Zona Norte do Recife. O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) convoca a categoria para o ato, com concentração a partir das 16h.

O protesto é uma iniciativa da Aliança Médica e conta com o apoio da Federação Médica Brasileira (FMB), do Conselho Federal de Medicina (CFM), da Associação Médica Brasileira (AMB), da Federação Nacional dos Médicos (Fenam), da Ordem dos Médicos do Brasil (OMB), além dos sindicatos.

Reivindicações

Entre as reivindicações estão: condições dignas de trabalho para os profissionais e de atendimento aos pacientes, remodelação na lei que trata sobre os planos e seguros privados de assistência à saúde, apoio ao Ministério Público nas investigações de casos de corrupção na área, prioridade às indicações técnicas para cargos públicos, maior controle para abertura de novas faculdades de Medicina, apreciação do piso salarial nas contratações e aprovação do Ato Médico e da Carreira de Estado para estes profissionais.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias